O último lugar à espera


Contra o 17° colocado, o Fulham não acertou um chute a gol. Levou pressão em boa parte do jogo e, com dois minutos de segundo tempo, tomou um gol. Nos minutos finais, levou mais dois e poderia ter sido ainda pior. Este é o resumo da sexta derrota consecutiva do time de Martin Jol, a quinta na Premier League, desta vez contra o West Ham: 3 a 0. O placar deixou os Cottagers com a pior defesa da liga, ao lado do Sunderland, e mais uma rodada na zona de rebaixamento - no 18° posto, embora o futebol seja digno de lanterna.

Em relação ao time que caiu ante o Swansea, na semana passada, Jol realizou três mudanças. Duff, Sidwell e Taarabt foram titulares no estádio Upton Park. Berbatov, com uma indisposição, foi desfalque.

Em confronto direto para se afastar da zona de rebaixamento, o Fulham foi completamente dominado. Em alguns momentos, chegou a ter menos de 30% de posse de bola. Para sorte Cottager, os Hammers também possuem um time limitado e criaram apenas duas boas oportunidades no primeiro tempo: Maiga cabeceou na trave e Collins subiu e desviou pra fora, com perigo.

Se sobrou sorte na primeira etapa, faltou na segunda. Logo a dois minutos, Sidwell saiu jogando errado e acabou desarmado; a bola sobrou com Diame, que arriscou da entrada da área, a bola desviou em Amorebieta e enganou Stekelenburg, 1 a 0.

Bent (C): nulo em campo
Precisando do resultado, o time visitante seguiu apático. Na verdade, o West Ham, mesmo em vantagem, seguiu com a bola e rondando a área do Fulham. Foram ao menos quatro chances claras, inclusive com uma bola acertando o travessão de Steke.

Tamanha pressão fatalmente resultaria em gol. E ele veio aos 36 minutos. Richardson, lateral-esquerdo inventado por Jol e que provavelmente não acertou nenhum passe no jogo, deixou Downing fugir às suas costas e o meia cruzou para Carlton Cole, que entrara no minuto anterior, escorar pras redes. Pouco depois, outro jogador que havia entrado minutos antes, também deixou o seu. O experiente Joe Cole aproveitou ótimo lance de Morisson e, de primeira, chutou no canto direito de Stekelenburg pra fechar a conta em 3 a 0.
Joe Cole (E) completou a goleada
O Fulham terminou a partida sem acertar um chute no gol de Jaaskelainen. Com isso, os Whites seguiram com dez pontos, mas agora estão há três de saírem da zona de descenso. Antes do enfrentamento, Martin Jol havia afirmado que os dois próximos dérbis definiriam seu futuro - no meio da semana, no Craven Cottage, o time recebe o Tottenham. Podemos dizer que o destino do manager começou a ser definido no Upton Park?

West Ham: Jaaskelainen, Demel, Collins, Tomkins, McCartney, Diame, Noble, Maiga (C. Cole), Downing, Nolan (Morrison) e Jarvis (J. Cole).
Fulham: Stekelenburg, Zverotic, Hughes, Amorebieta, Richardson (Dembele), Sidwell (Karagounis), Parker, Kasami, Taarabt, Duff (Ruiz) e Bent.

Confira os melhores momentos do dérbi aqui.