Preview: Fulham - Everton

Após revés no derby londrino contra o Chelsea, o Fulham entra em campo pela terceira fase da Capital One Cup para enfrentar o Everton. O jogo será em Craven Cottage, nesta terça-feira (24), às 16h (horário de Brasília).

A imprensa e o próprio técnico Martin Jol não estão contentes com a temporada até agora. Em seis jogos oficiais, foram apenas duas vitórias (sendo uma delas nos pênaltis), três derrotas e um empate. Cinco desses resultados foram na Premier League, o que deixou a equipe na 18ª colocação e na zona de rebaixamento.

Pela Capital One, os Cottagers foram ao Pirelli Stadium, enfrentar o Burton Albion, da quarta divisão do campeonato inglês, e conseguiram a classificação nas penalidades máximas.


O desafio agora é contra o forte Everton, única equipe que ainda não perdeu na Premier League, e que ocupa a sexta colocação na tabela.

Destaque para a diretoria, que para esta partida abaixou o preço dos ingressos. Os bilhetes que custam entre £40 e £55 na Johnny Haynes Stand e Riverside Stand (setores nas laterais do campo) e £35 na Hammersmith End e Putney End (setores atrás dos gols) ficam por £20 para adultos, £10 para os torcedores que possuem Ticket Season e £5 para crianças abaixo de 12 anos. Aos interessados (e disponíveis), seguem o link.

FULHAM


Sidwell marcou contra o Everton em Craven Cottage
Para esta partida, o técnico Martin Jol declarou que o Fulham “precisa vencer”. E para isso, Jol poderá ter o retorno de jogadores importantes: Dimitar Berbatov, Aaron Hughes e Bryan Ruiz. Berba estava com uma lesão no tendão, Hughes na coxa e Ruiz no tornozelo. Os jogadores não participaram do derby de sábado, porém, tem grandes chances de estarem à disposição de Jol.

Matthew Briggs, ainda com problema na hérnia, e o goleiro Marteen Steckelenburg, com uma contusão no ombro, são ainda desfalques certos para os cottagers.

Agora, Jol tem à disposição o ataque completo, tendo boas opções para fazer a equipe ser mais agressiva e efetiva no setor dianteiro.

EVERTON

Pienaar marcou no último confronto entre as equipes
O Everton vem de uma boa vitória fora de casa contra o West Ham por 3 a 2, na última rodada da Premier League. Pela Capital One, os Toffees venceram o Stevenage FC, da terceira divisão, por 2 a 1, onde o segundo gol saiu durante a prorrogação.

No duelo, o técnico do time azul de Liverpool terá a volta de Darron Gibson, que por conta de lesão no joelho ainda não estreou na temporada. O atacante Arouna Koné, que veio do Wigan junto com o técnico Roberto Martinez, também estará à disposição após recuperação de dores no joelho.

Contudo, Martinez não poderá contar Antolin Alcaraz e Steven Pienaar, com lesões no tendão, além de Leon Osman, com dores na virilha.

CONFRONTOS

Última partida entre as equipes em abril deste ano
No total de 53 partidas, o Fulham venceu apenas 15, contra 27 vitórias do Everton e ainda 11 empates. O histórico é ainda pior quando vemos os confrontos recentes entre as duas equipes: Nos últimos oito jogos, os toffees venceram seis, além de dois empates.

A última partida entre as duas equipes foi em abril deste ano, pelo segundo turno da última temporada da Premier League. O jogo foi em Goodison Park, e o Everton saiu vencedor por 1 a 0 (Relembre aqui).

A curiosidade positiva, é que nas últimas duas partidas entre Fulham e Everton realizadas em Craven Cottage, Bryan Ruiz, que têm chances de estar em campo hoje, marcou gols, mesmo o Fulham não conseguindo vencer nestas duas oportunidades.

PROVAVEIS ESCALÇÕES

FULHAM: Stockdale; Riether, Amorebieta (Hughes), Hangeland, Richardson; Parker, Sidwell, Kacaniklic, Duff (Ruiz); Bent (Kasami) e Berbatov.

EVERTON: Howard; Coleman, Jagielka, Distin, Baines; Gibson (McCarthy), Barry; Deulofeu, Barkley, Mirallas (Naismith) e Lukaku.