Em meio à apagão, Fulham erra demais e volta a perder para United

Rooney decretou a vitória dos Red Devils
O Fulham fez uma de suas melhores partidas no ano, teve diversas chances para marcar, mas... errou todas. E pior: perdeu. Essa foi a síntese do 1 a 0 do Manchester United sobre os Whites, neste sábado, em Craven Cottage, na 25ª rodada da Premier League. A 11ª derrota na liga deixou o time de Martin Jol no 13° lugar, com 28 pontos - sete a mais que o Wigan, primeiro dentro do rebaixamento.


A escalação de Jol não surpreendeu. Sem Berbatov, a aposta foi em Ruiz e Rodallega para o ataque, com o - sempre ineficiente - Dejagah armando ao lado de Duff.

E, vendo lado a lado um jogo onde se enfrentavam um time que goleara o outro por 4 a 1 há uma semana, não se podia prever um início de partida tão equilibrado. O United foi o primeiro a criar uma grande chance, quando Nani cabeceou e Schwarzer espalmou, Evra acertou o travessão e Riether ainda afastou em cima da linha. Tudo em apenas um lance, aos oito minutos.
Jogo parado por falta de luz perto do intervalo
O Fulham também acertou a trave pouco depois, num chute de Ruiz. Os visitantes responderam com Rooney, que mandou no poste esquerdo de Schwarzer aos 32. Lá e cá, as duas equipes se revezavam no ataque. Aos 42, um momento inusitado: faltou luz no estádio. Apesar do problema, um espetáculo bonito protagonizado pelos fãs cottagers.

Na volta da partida, já na etapa final - da qual Hangeland não participou, devido à lesão -, o Manchester voltou em cima e esteve perto de marcar com Rafael e Evra. A resposta veio com Riether, que finalizou para boa defesa do goleiro De Gea. O mesmo Rafael apareceria aos 31, mas na defesa: foi ele quem afastou um desvio de cabeça que tinha a direção do gol.
Rooney (C) voltou a ser o algoz cottager
Com tantos erros no ataque, a defesa dos londrinos pagou o preço. Aos 33, na quicada da bola, Senderos perdeu o timing, foi batido na corrida por Rooney, que avançou e tocou com categoria, de perna direita, para abrir o placar. No desespero, o Fulham se atirou ao ataque - com direito à estreia do meia Emanuelson - e ficou com o grito de gol engasgado graças à Van Persie. O artilheiro da EPL afastou, quase sobre a linha, uma cabeçada de Senderos. Fim de jogo e decepção para os fãs locais, que viram seu time merecer, no mínimo, um empate.

A próxima rodada reserva um confronto direto contra um adversário da parte de baixo da tabela. Contra o Norwich, fora de casa, no próximo dia 9, os Cottagers tentam se manter longe da zona de rebaixamento.

Fulham: Schwarzer, Riether, Senderos, Hangeland (Hughes), Riise, Baird, Karagounis (Emanuelson), Dejagah (Petric), Duff, Ruiz e Rodallega.
Manchester United: De Gea, Rafael, Ferdinand, Evans, Evra, Carrick, Cleverley (Giggs), Valencia (Hernandez), Nani (Welbeck), Van Persie e Rooney.

Os melhores momentos você pode conferir aqui, no site TV Golo. Já o momento da queda de luz do jogo você pode ver aqui, direto do site da ESPN Brasil.