Repercussões: Fulham 0-0 Wolves


Conforme vimos no post anterior, o Fulham começou o ano empatando sem gols com o Wolverhampton Wanderers, em jogo válido pela FA Cup. Agora é a hora de vermos,como foram as repercussões do jogo, na opinião do técnico Kit Symons.

Na tradicional entrevista coletiva após o confronto, nosso manager não teve outra opção, a não ser a de demonstrar preocupação com a falta de efetividade nas finalizações do time. "Tivemos muitos chutes de longe hoje, mas poucos deles no alvo, o que foi decepcionante. Alguns dos jogadores tiveram boas oportunidades e algo que pregamos constantemente é o chute ir baixo e forte no gol, mas estávamos batendo na rede pelo lado de fora ou pior, coisas desse tipo. Os jogadores que são normalmente bastante clínicos nessas finalizações não estavam assim hoje, que foi uma grande decepção".

"Foi provavelmente um empate típico, muito pegado, com muito esforço. Mas provavelmente, faltou um pouco mais de qualidade, um pouco mais de precisão e astúcia, para uma ou outra equipe marcar o gol".

"Eu penso que nós começamos bem o jogo. Havia algumas chances no geral, para ambas as equipes, mas sem aquele pouco mais de qualidade extra de ambos os lados para fazer a diferença, que estava faltando em ambas as equipes pelo que eu senti".

Ele continuou: "Sabíamos que ia ser um jogo muito duro, muito disputado. Os Wolves são um grande time, muito forte, e bem organizado, assim que eu escolhi uma escalação que certamente enxergaria isso e poderia vir a combatê-los nesse aspecto, mas, em seguida, tínhamos também a qualidade para vencê-los".

Fofana teve a chance dos Whites no finzinho, mas...
"Algumas tomadas de decisão nossa e a qualidade real do último passe, não foram bem hoje, mas não foi por falta de esforço ou qualidade dos jogadores. É apenas mais um daqueles dias em que nada dá certo".

Um contra-ataque rápido dos whites presenteou-os com uma grande chance para fazer o gol da vitória, quando Scott Parker fez grande jogada e encontrou Seko Fofana livre, mas o jovem francês viu seu esforço ser bloqueado pelo goleiro Carl Ikeme. "Ele é um bom jogador jovem, Fofana tem entrado e feito muito bem para o time", afirmou Symons, "e ele está ficando melhor, mais forte e mais confiante a cada jogo".

"Eu penso que ele foi uma ameaça real para a defesa adversária hoje, mas em seguida, talvez só faltava que pouco mais de calma quando ele teve algumas boas chances. Mas a coisa mais importante, em primeiro lugar, é ver que ele está criando estas chances, e agora nós precisamos dele apenas para nos estabelecer e começar a aproveitar as oportunidades".

Apesar de os dois times terem um número semelhante de finalizações, foram os visitantes quem tiveram mais precisão, e o treinador elogiou o goleiro Marcus Bettinelli pela sua atuação, ao garantir um clean sheet.
Bettinelli impediu derrota mostrando muito reflexo
"Marcus foi excelente. Ele fez algumas boas defesas em momentos importantes. Ele tem sido muito, muito bom durante toda a temporada desde que eu assumi".

"Eu estou encantado com o seu desenvolvimento e a maneira como ele tem jogado, a forma como ele se comporta dentro de campo. Ele é uma parte importante de nossa equipe e quando foi exigido, ele estava lá e estava pronto".

O Fulham sofreu um duro golpe logo após a marca de meia hora de jogo, quando Lasse Vigen Christensen teve de ser substituído por lesão. O meio-campista foi uma surpresa na escalação, após ter se recuperado de uma distensão muscular, mas Symons reconheceu que, talvez, o jovem dinamarquês tenha sido escalado muito cedo.

Christensen ficou pouco mais de meia hora em campo
"Os fisioterapeutas testaram ele antes do treino na manhã de ontem, fez os movimentos e e tudo o que foi pedido", explicou o treinador. "Ele não sentia mais nada, em seguida, se juntou ao grupo no treinamento e foi declarado totalmente em forma. Ele apenas sentiu muito pela lesão, foi muito pouco novamente, ele não fez qualquer dano extra".

Opinião do blog: O empate em casa contra o Wolves pode ser considerado um resultado ruim, se formos analisar a atuação do time. Porém, a prioridade do time deve ser a Championship, onde esperamos alguns bons reforços nesta janela de transferências.

COME ON YOU WHITES!

Nenhum comentário:

Postar um comentário