Nem Bettinelli pode parar os líderes

Um golpe no começo e um no final. Assim foi a derrota do Fulham no estádio Goldsands, nesta sexta de Boxing Day, diante do líder da Championship Bournemouth. Os Cherries fizeram 2 a 0, viram Marcus Bettinelli salvar um pênalti no início do segundo tempo e mantiveram a primeira posição, enquanto que os Cottagers encerraram a rodada natalina duas posições abaixo do que quando iniciaram, em 15º.

Kit Symons apostou na repetição. Não só mandou a campo os mesmos titulares que contra o Sheffield Wednesday, repetiu até mesmo o banco de reservas.

Porém, o início foi bem ruim. Passados apenas nove minutos, o Bournemouth abriu o placar: Ritchie cobrou escanteio e Pitman, de cabeça, foi mais alto que a defesa londrina, 1 a 0. O primeiro tempo seguiu num ritmo mais morno após o gol, com os Whites pouco ameaçando o veterano goleiro Boruc. Na verdade, foi Bettinelli quem trabalhou para negar o segundo gol dos mandantes, pegando falta de Ritchie e salvando ainda o rebote de Wilson.

Noite gélida e de chuva para Bournemouth e Fulham

Logo nos primeiros minutos da etapa final, Jack Grimmer derrubou Wilson na área. Pênalti que Pitman cobrou e viu Betts fazer bela defesa - o segundo pênalti pego pelo inglês na temporada. A defesa animou o Fulham, que resolveu atacar o que não havia atacado ainda durante a partida.

Porém, parecia que não era a noite. As finalizações não iam no gol, ou eram facilmente defendidas por Boruc, atualmente emprestado aos Cherries pelo Southampton. Assim, quem não faz... Leva: no segundo minuto de acréscimos (dos quatro), Arter, aquele mesmo, cunhado de Scott Parker, concluiu com precisão, de canhota, um contragolpe e deu números finais ao jogo, 2 a 0.

McCormack teve poucas aparições na partida
Não há muito tempo para lamentações. Na próxima segunda, os Whites voltam a campo, desta vez no Craven Cottage, para encarar o Brighton. O time caiu para o 15º lugar na tabela, com os mesmos 28 pontos, mas agora tem a pior defesa isolada da liga (41 gols sofridos, um a mais que o Blackpool). Contra o vice-lanterna, é bom retomar o caminho das vitórias.

Bournemouth: Boruc; Francis, Elphick, Cook e Daniels; Suman, Arter, Ritchie (Smith) e Pugh; Wilson (Kermorgant) e Pitman (Gosling).
Fulham: Bettinelli; Grimmer, Bodurov, Hutchinson e Stafylidis; Parker, Christensen (Williams), Fofana e Ruiz (Roberts); Rodallega (Woodrow) e McCormack.


Fotos: Fulham FC

Nenhum comentário:

Postar um comentário