Repercussões: Chelsea 0-0 Fulham

Jol e Benítez: empate morno em Stamford Bridge
O empate sem gols contra o Chelsea resultou em boas e más notícias para o Fulham. Se por um lado já são cinco jogos sem perder para os Blues (apesar de não ter vencido), por outro, os Whites caíram para o 11° lugar na tabela e somam agora cinco rodadas sem vitória na liga inglesa. Até por isso, o técnico Martin Jol admitiu uma certa frustração com os dois pontos deixados na casa do Chelsea.

“Tivemos duas oportunidades após os 35 do segundo tempo. É um empate fora de casa, mas estou desapontado por não conseguirmos os três pontos, pois precisamos deles”, afirmou o manager. O holandês ainda destacou as atuações de Georgos Karagounis e Mahamadou Diarra: “Como um time, como um grupo, penso que eles foram muito bem”.
Karagounis (E) foi elogiado por Jol
Os seguidos empates com o Chelsea também são motivo de orgulho para Jol. “Empatamos aqui duas vezes ano passado. Somos uma equipe difícil de encarar. Você passar os jogos sem levar gols é sempre difícil (para o adversário) porque eles sempre tomam a iniciativa. Mas fomos melhores no segundo tempo e poderíamos ter marcado”, concluiu.

O lateral John Arne Riise elogiou a forma como o time atuou e relembrou o bom histórico recente da equipe no estádio do rival. “Fizemos muito bons jogos no Stamford Bridge nos últimos anos. Foi um grande desempenho, mostramos caráter e trabalho duro um para o outro e estamos muito satisfeitos pela forma que jogamos”, destacou.
Riise (D) esteve perto de dar a vitória aos Cottagers
Riise até poderia ter dado a vitória ao Fulham em um lance no segundo tempo, quando ficou frente a frente com o goleiro Petr Cech. “Eu deveria ter marcado pelo menos um gol. Tive um controle ruim, a bola estava muito próxima do meu corpo, fiquei desapontado”, desabafou.

Na imprensa, a BBC chamou o dérbi de “tedioso”, e destacou mais o fato de o Chelsea não ganhar há seis rodadas na Premier League, além de ainda não ter marcado gols na era Rafa Benítez. O Telegraph ainda afirmou que “Stamford Bridge vive um protesto silencioso, com Benítez chegando a 180 minutos sem um gol”.

O Fulham volta as suas atenções para mais um dérbi no fim de semana. O adversário é o Tottenham, em Craven Cottage.

Nenhum comentário:

Postar um comentário