Humilhado em pleno Craven Cottage: Swansea 3 a 0


Ruiz (11): atuação apagada
Fulham teve uma atuação apática, sem brilho e com muitos erros. O resultado disso tudo em uma só partida só poderia ser mesmo uma derrota acachapante de 3 a 0 para o Swansea, em Londres, neste sábado. O segundo revés consecutivo brecou a ascensão dos Whites, que agora ocupam a 11ª posição (36 pontos). Foi também a segunda maior derrota do time na temporada, igualando o escore contra o Manchester City e perdendo apenas para os 5 a 0 impostos pelo Manchester United - próximo adversário Cottager.


Neste sábado o
primeiro lance de perigo foi do Fulham. Logo aos dois minutos, Dempsey fez jogada jogada individual e bateu da entrada da área para ótima defesa de Vorm. Aos 12, novamente os mandantes perderam chance numa tentativa de longe. Desta vez, quem arriscou foi Riise, por cima. 

O Swansea, muito bem organizado e compactado em seu campo, criou sua primeira oportunidade aos 30 minutos. Sinclair invadiu a área, passou como quis por Senderos e Schwarzer teve de intervir com uma defesa de mão trocada. Cinco minutos depois, não teve jeito. Routledge cruzou da direita, Sinclair ajeitou e Sigurdsson cabeceou, da pequena área, para abrir o placar.

Dempsey não passou pela marcação dos Swans
Logo no começo da etapa final, Bryan Ruiz, de atuação apagada, deixou o campo para entrada de Damien Duff. As coisas não mudaram: o time local seguia apenas cercando a área rival, enquanto os visitantes controlavam as ações com facilidade e apenas aguardavam um contra-golpe fatal. E ele veio aos 21 minutos. Os volantes Diarra e Dembele sumiram e Routledge e Sigurdsson tiveram tranquilidade para construir a jogada. O islandês recebeu na entrada da área e bateu com categoria para ampliar, 2 a 0.

As alterações de Martin Jol - Murphy e Frei entraram após o segundo gol do Swansea - não surtiram efeito. Sem criatividade, o Fulham martelava, mas não ameaçava o arqueiro Vorm. O resultado disso foi o terceiro gol da equipe galesa: aos 32, Allen deixou Senderos no chão e finalizou no canto esquerdo de Schwarzer. Uma goleada para abalar as estruturas de Craven Cottage.

O Swansea se mostrou um verdadeiro carrasco do Fulham na temporada. O placar de sábado, somando com os 2 a 0 do primeiro turno, mostram uma vantagem de 5 a 0 no agregado. Sem dúvida, após a primeira derrota como mandante no ano, os ânimos não são os melhores para encarar a viagem até o estádio Old Trafford na próxima segunda-feira.

Fulham: Schwarzer, Kelly, Senderos, Hangeland, J. Riise, Diarra (Murphy), Dembele, Ruiz (Duff), Dempsey, Johnson (Frei) e Pogrebnyak.
Swansea: Vorm, Taylor (Tate), Caulker, Monk, Rangel, Britton, Sinclair, Allen, Sigurdsson (Gower), Graham (Moore) e Routledge.
 

Fotos: Fulham FC


FULHAM 0-3 SWANSEA All goals 17.03.2012 por vik2003

Nenhum comentário:

Postar um comentário