Dupla de ataque funciona, sorte também e Fulham vence


O Fulham teve dois tempos completamente distintos: no primeiro, poderia ter feito uma goleada. No segundo, poderia ter levado uma goleada. Esse é um bom jeito de resumir a segunda vitória consecutiva do time na Championship, obtida por 2 a 1 ante um valente Blackburn, em Londres. O resultado deixou os Whites no 11º lugar, com oito pontos.

Kit Symons mandou a campo um time muito próximo daquele que é considerado ideal pelos fãs. A novidade foi a estreia de Richard Stearman, zagueiro que chegou no último dia de janela de transferências.

E o time considerado ideal fez bonito em meia hora. Logo aos três minutos, Moussa Dembele disparou em contragolpe e tocou para Ross McCormack, que ficou na cara do gol e, de canhota, só tirou de Steele e anotou 1 a 0. A resposta dos Rovers chegou aos 15, mas Lonergan começou a mostrar trabalho com agilidade defendendo finalização de Delfouneso.  Aos 30, pintou o segundo gol dos londrinos. McCormack cruzou da esquerda, Ryan Tunnicliffe cabeceou sozinho e viu Steele fazer bela defesa; na sobra, Tom Cairney chutou sobre o goleiro, mas Dembele estufou a rede num chute potente: 2 a 0.

Dembele fez o seu e deu uma assistência
Só que, depois disso, o Fulham parou de jogar. E Lonergan começou a aparecer mais e mais. Seu primeiro milagre de verdade veio aos 42 minutos, numa cabeçada de Evans, que subiu sozinho, e viu o goleiro pegar no reflexo, no canto direito.

Na etapa final, logo com um minuto Rhodes recebeu toque na pequena área e acertou a trave. Era o prenúncio de um sufoco do Blackburn, que criou outras duas chances em dez minutos, mas não aproveitou. Mas o gol viria num pênalti infantil de Jim Husband, que empurrou o adversário na área. Aí Rhodes não perdeu: 2 a 1. Os Rovers até empataram, mas a arbitragem não viu. Após confusão na área, Jamie O'Hara afastou quando a bola já havia passado a linha fatal.

O'Hara afastou após a bola ultrapassar a linha, mas a arbitragem não viu
Perto dos acréscimos, Koita ainda acertou a trave, antes de Lonergan fazer outra belíssima defesa. Assim, no sufoco, e não jogando nada em toda a segunda etapa, o Fulham venceu pela primeira vez diante de seu torcedor nesta Championship. O desafio é tentar repetir o futebol mostrado em meia hora. Com isso em mente, os Whites visitarão o Sheffield Wednesday no próximo sábado.

Fulham: Lonergan; Richards, Ream, Stearman e Husband (Burn); O'Hara, Tunnicliffe, Pringle (Fredericks) e Cairney; Dembele e McCormack.
Blackburn: Steele; Henley, Hanley, Duffy e Spurr; Evans (Akpan), Guthrie, Marshall e Conway (Lawrence); Delfouneso (Koita) e Rhodes.




Fotos: Fulham FC e Sky Sports

Nenhum comentário:

Postar um comentário