Euro sub-21: de novo, uma derrota e uma vitória


A segunda rodada da Eurocopa sub-21 novamente trouxe emoções distintas para os cottagers Lasse Christensen e Marcus Bettinelli. O volante dinamarquês atuou os 90 minutos na frustrante derrota por 3 a 0 para a Alemanha, pelo grupo A, enquanto que o goleiro inglês ficou no banco durante o vital triunfo sobre a Suécia - 1 a 0, na chave B.

Os escandinavos entraram em campo como líderes de seu grupo, após venceram os anfitriões da República Tcheca na estreia. Porém, o que se viu em Praga foi um domínio completo do jovem time alemão. No fim, dois gols do capitão Kevin Volland e um de Matthias Ginter definiram os 3 a 0 finais.


Christensen contra a Alemanha
Apesar do duro revés, a Dinamarca só depende de si para se classificar às semifinais, ainda como vice-líder após o jogo. Para isso, basta vencer a Sérvia, na última rodada. Um empate pode bastar, desde que a República Tcheca não ganhe da Alemanha. Os jogos serão nesta terça.

No grupo B, a Inglaterra também terminou a segunda rodada na vice-liderança. Em um jogo monótono, os Young Lions fizeram 1 a 0 na Suécia, graças a um gol já perto do fim do jogo de Jesse Lingard. Bettinelli foi reserva de Jack Butland no gol inglês.

Na próxima quarta, a última rodada terá Portugal x Suécia e Inglaterra x Itália. Os ingleses avançam se vencerem. Um empate pode bastar se os suecos perderem.

Fotos: UEFA e Fulham

Nenhum comentário:

Postar um comentário