Reviravolta, hat-trick e vitória na despedida em casa


Em um jogo maluco, o Fulham emocionou seus fãs como há um bom tempo não fazia, abriu 2 a 0 e depois 3 a 1, deixou o bom time do Middlesbrough empatar com um a menos e, no último lance, obteve um impressionante 4 a 3 graças a um hat-trick do artilheiro Ross McCormack. Uma bela maneira de fazer o último jogo em casa em uma temporada, novamente, para esquecer. O time chegará à última rodada da Championship na 17ª posição.

Encarando um adversário que precisava da vitória para seguir lutando pela vaga direta na próxima Premier League, Kit Symons mudou em quatro nomes o time Cottager. Mandou a campo Shaun Hutchinson na zaga, Jazz Richards improvisado na lateral-esquerda, Bryan Ruiz no meio e o (antes esquecido) Hugo Rodallega na frente.

O jogo, no primeiro tempo, não deu mostras de que seria tão vibrante. Foi o time visitante quem ameaçou primeiro, em cobrança de falta ensaiada que Leadbitter exigiu reflexo de Marcus Bettinelli logo aos cinco minutos. O Fulham respondeu com duas boas chegadas: na primeira, Rodallega parou em linda defesa do goleiro Kostantopoulos; depois McCormack quase marcou de falta, mandando para fora.

Até que, aos 45, os Whites marcaram. Ruiz levantou na área pela direita, Hutchinson escorou e Michael Turner cabeceou para as redes. Foi o primeiro gol do defensor no que pode ter sido seu último jogo pelo clube - ele está emprestado pelo Norwich, adversário da última rodada, então não poderá entrar em campo.

McCormack (C) é o artilheiro disparado dos Whites na temporada
A etapa final não poderia começar melhor pros londrinos. Aos nove minutos, Ayala derrubou McCormack na área, pênalti. O escocês converteu e anotou 2 a 0. Pouco depois, o técnico Aitor Karanka foi para o tudo ou nada e realizou três alterações de uma só vez. O resultado se revelaria quase que decisivo para o duelo.

Aos 17 minutos, Reach, que entrara dois minutos antes, chutou da entrada da área, a bola quicou e enganou Bettinelli, 2 a 1. Três minutos mais tarde, mais uma reviravolta: Friend deu uma tesoura em Rodallega na área: pênalti e expulsão do defensor dos visitantes. McCormack deslocou o goleiro e fez 3 a 1.

Festa do goleiro Bettinelli
Depois de o Fulham desperdiçar uma clara chance de marcar o quarto com Rodallega, o Boro renasceu. Aos 29, Adomah cruzou e Ayala, sozinho, descontou. Mesmo com um a menos, o time de Karanka foi pra cima e acabou premiado aos 43 minutos, quando Tomlin deu o cruzamento preciso para Kike, outro que entrara no segundo tempo, empatar tudo de cabeça, encobrindo Betts.

Nos acréscimos, o Middlesbrough teve um escanteio e o goleiro Konstantopoulos decidiu ir para a área, afinal o time necessitava muito do triunfo. Mas deu tudo errado. Turner afastou a bola alçada e deu um passe longo para McCormack, que venceu os defensores na corrida e, com calma, conseguiu seu segundo hat-trick pelos Cottagers e garantiu uma empolgante e feliz despedida do time de Craven Cottage nesta temporada.

Na semana que vem, a equipe visita o Norwich, outro adversário que luta pela promoção direta, no Carrow Road. Até lá, os fãs podem desfrutar da boa marca de 19 gols de McCormack na péssima temporada que o Fulham, de novo, realizou.

Fulham: Bettinelli; Hoogland, Hutchinson, Turner e Richards; Guthrie (Fofana), Kavanagh, Tunnicliffe e Ruiz (Woodrow); Rodallega (Smith) e McCormack.
Middlesbrough: Konstantopoulos; Fredericks (Reach), Ayala, Gibson e Friend; Clayton (Forshaw), Leadbitter, Tomlin, Vossen (Kike) e Adomah; Bamford.

Fotos: Fulham FC


Um comentário:

  1. If you're looking for the #1 Bitcoin ad network, take a look at MellowAds.

    ResponderExcluir