Repercussões: Charlton 1-1 Fulham


Na última terça-feira, o Fulham foi ao estádio The Valley para enfrentar o Charlton no segundo derby londrino seguido. Mas dessa vez, ao invés de uma derrota, os cottagers empataram mesmo depois de terem saído na frente com Ross McCormack e sofreram o gol de empate com Gudmundsson. Agora, há cinco jogos do fim da temporada, o Fulham está próximo de fugir definitivamente do rebaixamento.

O treinador Kit Symons ficou satisfeito com o empate fora de casa no jogo: "Pontos nesta divisão, especialmente neste estágio da temporada em que estamos, são importantes. Eu disse que este foi um bom ponto, mas eu gostaria de ter todos os três. Foi uma batalha dura, um bom ponto conseguido, contudo, acho que merecíamos os três pontos".

Symons também destacou a forma como seus comandados atuaram: b"Nós tivemos o dobro de chutes que eles - eu acho que eles tiveram um chute no gol durante o jogo - mas não conseguímos anotar o segundo gol. Houve muito trabalho e Matty Smith esteve perto de marcar quando mandou por cima da trave. Se ele tivesse um pouco mais de sorte, poderia ter marcado o gol. Nós tivemos algumas outras chances boas, mas eu não posso ser ganancioso, nós conseguimos um ponto neste momento da temporada".

Kit ainda reclamou de um possível erro no gol do Charlton: "O rapaz que estava no meio da área no gol estava impedido. Eu não acho que ele tenha tocado, mas ficou a centímetros disso, o que deixou nosso goleiro em alerta e tirou a atenção dele de sair na bola e pega-la".


McCormack(44) fez mais um gol na temporada pelo Fulham
Sobre a possibilidade de rebaixamento, Kit comentou que a equipe ainda tem que trabalhar para fugir da queda, pois a permanência na Championship da próxima temporada não é garantida: "Não [está garantido], definitivamente não, até matematicamente estarmos fora. Esta divisão tem sido de muito de altos e baixos a temporada toda nas duas pontas e será assim até o fim. Nós continuaremos trabalhando e lutando por cada ponto. Mas eu estou orgulhoso dos jogadores esta noite, eles fizeram uma mudança real e nós fomos o melhor time e merecíamos vencer".


Apesar do risco de rebaixamento, Symons ficou satisfeito com a atuação da equipe
O treinador ainda comentou sobre o assédio na jovem estrela cottager, Patrick Roberts, que teve seu nome especulado em pelo menos cinco clubes da Premier League. "Será oferecido um novo contrato ao Pat. Nós vamos procurar segurar nossos melhores jovens jogadores. Ele tem um futuro fantástico. Está um pouco cedo para ele [sair do Fulham]", disse o manager, que explicou o fato de que Roberts não tem tido tantas atuações entre os titulares é por causa da dificuldade da Championship e do jogo duro em vários jogos: "Ele quer jogar, claro que quer, mas ele entende a situação e do clube. Não são coisas pessoais individuais no momento".

E o tempo de recuperação é curto. Nesta sexta feira o Fulham volta a campo para enfrentar o Wigan, em Londres.

Nenhum comentário:

Postar um comentário