Repercussões: 1-4 Brentford + Preview vs Charlton


Não haverá muito tempo para o Fulham assimilar sua terceira derrota consecutiva de goleada em casa na Championship. Na sexta, o time levou 4 a 1 do Brentford, no Craven Cottage, e nesta terça volta a campo, de novo para um dérbi londrino, contra o Charlton, no estádio The Valley. Restando somente seis rodadas para o fim da disputa, o time segue em busca de pontos para se livrar do rebaixamento.

Contra os Bees, sexta passada, o técnico Kit Symons voltou a falar que a equipe jogou bem, mas desperdiçou oportunidades e viu o adversário passar por cima. "É um tema recorrente esse. Jogamos bem, criamos chances, mas não conseguimos aproveitá-las. As pessoas vão olhar o placar e dizer que foi um passeio, mas não foi. Tentamos e não conseguimos, e as vaias ao final eram compreensíveis", comentou o treinador.

Nesta segunda, o Rotherham venceu seu jogo e passou o Fulham na tabela, derrubando os Whites para a 21ª posição. Resultados paralelos que o clube não têm de ficar de olho, conforme Symons: "Nós temos de sair de baixo da tabela e fazer o nosso trabalho, não queremos depender de outros".

E para não depender dos outros, os Cottagers têm de bater o Charlton, fora de casa, nesta terça, às 15h45 (de Brasília). São sete pontos de vantagem para o Millwall, o primeiro dentro da zona de rebaixamento. Além disso, o Fulham tem confrontos diretos ainda contra rivais da parte de baixo: pega, na sequência, Wigan, Rotherham e Blackpool.

O ideal, contra os Addicks, é fazer algo semelhante ao ocorrido no primeiro turno, quando os Whites fizeram tranquilos 3 a 0. Para o dérbi, a dúvida fica por conta da presença do capitão Scott Parker, que perdeu o jogo passado devido a uma lesão.

Parker (E) marcou contra o Charlton no primeiro turno
O lateral Jack Grimmer e o zagueiro Nikolay Bodurov, que sofreram pancadas contra o Brentford, também podem ficar de fora. Já o zagueiro Michael Turner retorna de suspensão e deve jogar.

No lado mandante, que chega pro jogo em uma modesta 11ª posição, sem riscos de queda mas também sem chances de acesso, alguns desfalques certos. Os defensores Johnnie Jackson, Callum Harriott e Franck Moussa estão fora, lesionados. Chris Solly, expulso contra o Millwall, no fim de semana, também perde o jogo. Quem está de volta são os defensores Tal Bem Haim e Rhoys Wiggins, recuperados de lesão, tais como o atacante Frederic Bulot.

Último jogo no The Valley foi em 2006, na Premier League: 2 a 2
O histórico recente de Charlton e Fulham é bem favorável aos Cottagers. O time não perdeu nenhum dos últimos sete encontros, sendo quatro vitórias. O último triunfo dos Addicks foi em 2004, ainda na Premier League. Porém, no The Valley, o Charlton não perde pro Fulham há quatro jogos - a última vitória White lá foi em 2003.

Fotos: Fulham FC

Nenhum comentário:

Postar um comentário