Repercussões: Fulham 1-3 Sunderland


Conforme vimos no post anterior, o Fulham foi derrotado em casa pelo Sunderland, encerrando sua participação na Copa da Inglaterra. Agora é a hora de vermos como foram as repercussões do jogo, na opinião do técnico Kit Symons.

Na tradicional entrevista coletiva após o jogo, nosso manager falou da grande seqüência de jogos como responsável pela eliminação cottager. "Nós não tínhamos jogado bem no primeiro tempo e eu disse isto aos jogadores no intervalo. Eu disse a eles que precisavam passar a bola muito melhor. Nós tivemos muitos erros de passes durante toda a noite e o bom desempenho não estava lá, juntamente com o resultado".

"Eram muitos jogos e tivemos que fazer algumas mudanças forçadas, as quais não ajudaram. Scotty Parker estava doente, Lasse Christensen Vigen está voltando de lesão e não podíamos nos dar ao luxo de começar com ele em dois jogos consecutivos tão rapidamente".


Os visitantes da Premier League empataram logo depois do intervalo, quando Bettinelli falhou ao desviar um cruzamento de Patrick Van Aanholt sobre a linha e acabou marcando um gol contra. O técnico Kit Symons, porém, apoiou o goleiro para se redimir da falha.

"Os gols
geralmente são momentos decisivos em jogos", disse o manager. "Foi um erro, mas ele tem sido excelente para nós, então nós não estamos apontando qualquer culpa para ele".

"Ele está bem, ele é um jogador forte e ele tem sido excelente para nós nesta temporada. Um erro como esse não vai afetá-lo; ele vai se redimir e seguir em frente". Symons foi questionado sobre a situação de Bryan Ruiz, que foi emprestado ao Levante, assunto este que foi um dos mais debatidos no sábado.

"A papelada foi feita na sexta-feira à noite", explicou Symons. "Estamos apenas esperando a confirmação da Fifa. Era perto do fim da janela de transferências do campeonato espanhol, mas do nosso lado, na FA, está tudo certo".


Opinião do blog: Mais uma janela de transferências se passou, e o Fulham... não trouxe nenhum grande reforço para a seqüência da temporada. Desta forma, um possível acesso à Premier League se torna muito complicado, restando apenas o "meio-de-tabela" e a luta contra o rebaixamento.

COME ON YOU WHITES!

Nenhum comentário:

Postar um comentário