Patético, apenas patético: Wolves 3 a 0


Foram necessários apenas os primeiros 45 minutos de jogo para que o Fulham conhecesse seu oitavo jogo seguido sem vitória na temporada. Com uma atuação deprimente, o time levou 3 a 0 do Wolverhampton, no estádio Molineux, e manteve-se com 36 pontos na tabela da Championship - para a sorte da equipe, os demais rivais na parte de baixo também tropeçaram e a distância para o Z3 se manteve em cinco pontos.

Kit Symons mudou em duas peças o time que empatara com o Millwall, descansando dois meias: Scott Parker e Alex Kacaniklic, e promovendo a entrada de Seko Fofana e Bryan Ruiz. Novidades que, na prática, não alteraram em nada o desempenho do time.

Logo aos dez minutos, Bakary Sako, o grande nome da partida, cobrou escanteio, a zaga ficou parada e Danny Batth, sem dificuldades, cabeceou para abrir o placar para o oitavo colocado na tabela. Apesar de levar um gol cedo, a equipe londrina conseguiu se reequilibrar e levar perigo, principalmente com Ross McCormack, que exigiu o reflexo do goleiro Kuszczak pouco depois do gol.

Sako (10) foi o nome do jogo
Com mais posse de bola, mas sem criar muito, o Fulham tomou dois duros golpes antes do intervalo. Aos 40, Sako aproveitou um cruzamento da direita e mandou uma finalização no canto de Marcus Bettinelli. Cinco minutos depois, o goleiro inglês colaborou, aceitando um chute no meio das pernas de (sempre ele) Sako.

Com 3 a 0, o segundo tempo foi mera formalidade. Enquanto o time da casa claramente puxou o freio de mão, o Fulham parou na própria incompetência e falta de qualidade, com finalizações de Fofana e Hugo Rodallega passando perto, mas não ameaçando de verdade o goleiro polonês do time local. Já o Wolves passou raspando de anotar o quarto, mas Bettinelli salvou em conclusão de Afobe.

Os comandados de Symons não sabem o que é vencer há um mês: desde os 3 a 2 sobre o Nottingham, em 21 de janeiro. De lá para cá, dois empates e seis derrotas, caindo para o atual 20º lugar na Champ e sendo eliminados da Copa da Inglaterra. Tem como piorar? Sim. O próximo adversário é o líder Derby County, que, em dois jogos contra os Cottagers nesta temporada, marcou dez gols. A partida é no próximo sábado, no Craven Cottage, às 12h (de Brasília).

Wolverhampton: Kuszczak; Iorfa, Batth, Stearman e Golbourne; Price, Edwards, Afobe (Doyle) e Sako (van La Parra); Dicko (Henry).
Fulham: Bettinelli; Richards, Bodurov, Hutchinson e Stafylidis; Fofana (Kavanagh), Christensen, Tunnicliffe e Ruiz; Rodallega (Woodrow) e McCormack.

Fotos: Fulham FC

Nenhum comentário:

Postar um comentário