Acabou a aventura na Copa


Pela sexta vez na temporada, o Fulham perdeu um jogo graças aos últimos 45 minutos. Após marcar 1 a 0, o time não conseguiu segurar o Sunderland, levou 3 a 1 e foi eliminado no replay da quarta fase da Copa da Inglaterra. Mesmo jogando em Londres e com um gol de Hugo Rodallega, os Cottagers não foram páreo ante um time que atropelou na etapa final. Numa noite em que até Marcus Bettinelli falhou feio, a aventura acabou para os londrinos.

Apesar de afirmar que mandaria a campo um time bastante modificado, o técnico Kit Symons escalou uma equipe praticamente titular. Scott Parker, poupado, e Jazz Richards, que já jogara na FA Cup pelo Swansea, foram as únicas ausências em relação ao time que perdera para o Blackburn.

Roy Hodgson assistiu ao jogo no Craven Cottage
Os primeiros 20 minutos foram de pânico para os mandantes. O time de Symons não se encontrou em campo e foi dominado pelos Black Cats, que viram Bettinelli salvar ao menos duas vezes em tentativas de Gomez e Fletcher. Até que, aos 28 minutos, a defesa adversária errou e o Fulham aproveitou: Ross McCormack cobrou escanteio, Cauley Woodrow ajeitou meio sem querer e Hugo Rodallega estufou as redes, 1 a 0. Primeiro gol do colombiano em dez jogos.

O time visitante seguiu criando e quase empatou pouco depois, mas Giaccherini errou o alvo por pouco. Mesma situação de McCormack, que acertou um belo chute de longe, mas viu a bola passar rente à trave.

Rodallega encerrou jejum, mas não foi o bastante para vencer
Se a pontaria do Sunderland não foi das melhores no primeiro tempo, ela melhorou bastante após o intervalo. E contou com uma forcinha de Bettinelli para chegar à igualdade. Aos 16, van Anholt cruzou, a bola desviou em Stafylidis e o goleiro se atrapalhou ao tentar defender. Gol contra do arqueiro. Mesmo levando o gol, o Fulham não reagiu e, aos 30, tomou a virada: Alvarez mandou um chute espetacular, de canhota, e surpreendeu Betts, 2 a 1.

Perdendo, Symons relutou em mudar o time. Fez suas primeiras substituições somente faltando sete minutos para o fim, quando pouco parecia possível ser feito para mudar o panorama do confronto. A pá de cal foi posta no terceiro minuto de acréscimo, quando Bodurov derrubou Graham na área. Pênalti convertido por Gomez, 3 a 1, fim de jogo e mais uma decepção para os já desagradados fãs londrinos.

Fora das duas copas nacionais, os Whites agora se focam exclusivamente na Championship, onde dificilmente conseguirão algo melhor do que o atual posto no meio da tabela. Sábado, novamente em casa, o desafio será o Birmingham.

Fulham: Bettinelli; Grimmer, Bodurov, Hutchinson e Stafylidis; Fofana (Christensen), Tunnicliffe, Kacaniklic (Roberts) e McCormack; Rodallega e Woodrow.
Sunderland: Mannone; van Aanholt, Vergini, O'Shea e Reveillere; Bridcutt, Gomez, Giaccherini (Brown) e Alvarez (Agnew); Defoe e Fletcher (Graham).

Fotos: Fulham FC


Nenhum comentário:

Postar um comentário