Dia de idas e vindas




Embora o mercado de transferências ainda esteja fechado, há a possibilidade de haver negociações por empréstimos. Aproveitando isso, o Fulham anunciou a volta do lateral Jack Grimmer (foto acima) e as saídas de Matt Smith e Josh Passley neste meio de semana. 

O lateral-direito e volante Grimmer, de 20 anos, foi chamado de volta do Shrewsbury, onde estava desde a metade de outubro. Disputou sete partidas neste meio tempo. O técnico Kit Symons confirmou que a volta se dá pelas lesões dos defensores Tim Hoogland e Fernando Amorebieta, que seguem fora de combate, e da irregularidade de Elsad Zverotic. 


Em seu perfil no Twitter, Grimmer destacou: “Amei cada minuto de minha passagem no Shrewsbury. Grandes homens, diretoria, torcedores e clube”. O técnico dos Blues, Micky Mellon, afirmou que o jogador “evoluiu com os jogos e retornará ao Fulham melhor do que saiu”.
Fofana chega para reforçar o time de base dos Cottagers
Outra chegada por empréstimo é a do meia Seko Fofana, novo camisa 12 dos Whites. O francês de 19 anos vem do Manchester City e ficará em Londres, a princípio, até 31 de janeiro. Fofana jogou 35 vezes pela base do City na temporada passada e vinha sendo titular na atual campanha da Premier League sub-21. 


Em contrapartida, se perdeu Grimmer, o Shrewsbury contratou outro lateral Cottager: Josh Passley, também de 20 anos. O empréstimo tem validade até 5 de janeiro. Passley, que é lateral-direito e zagueiro, atuou duas vezes nos profissionais do Fulham, ambas pela Copa da Inglaterra da última temporada.
 
Smith foi expulso em sua estreia, contra o Reading

A saída mais surpreendente foi a do atacante Matt Smith. Ele assinou por empréstimo com o Bristol Rovers, atual líder da League One, até 25 de janeiro. Contratado para ser o parceiro de Ross McCormack no ataque, reeditando a dupla que funcionou tão bem no Leeds, Smith caiu no esquecimento de Symons. O atacante foi titular apenas uma vez desde que chegou, e não deu sorte: acabou expulso aos 18 minutos de jogo na derrota para o Reading. Desde então, não voltou a ser titular e, aos poucos, ficou de fora até do banco.


Outro anúncio hoje envolveu o meia Ryan Williams. O neozelandês teve seu empréstimo com o Barnsley, também da League One, renovado até primeiro de janeiro. Williams começou a temporada como titular no Fulham com Felix Magath, participando de três jogos, mas depois perdeu espaço.

Amorebieta está ausente há quase um mês
 Lesões – Um dos motivos para a volta de Jack Grimmer é o novo problema físico que Fernando Amorebieta sofreu. O defensor estava pronto para voltar à ação, mas voltou a sentir dores no joelho lesionado durante a partida contra o Middlesbrough, no início do mês. Symons comentou a situação de Amorebieta e Hoogland, outro ainda ausente: “Eles estão voltando, mas não podemos apressar o retorno de ninguém. Tim (Hoogland) está progredindo, mas muito devagar. 


Quem está aos poucos retornando é Adam Taggart. O atacante, que jogou a Copa do Mundo pela Austrália, chegou aos Whites com uma lesão na virilha, que está em fase final de recuperação. “Ele perdeu muitos jogos, por isso vai demorar ainda. Ele está voltando aos treinos com o time sub-21”, comentou Symons.

Fotos: Shropshirestar, BBC, London 24 e Get West London

Nenhum comentário:

Postar um comentário