Quem não faz... permanece na zona de rebaixamento


O futebol pode ser bem cruel quando não se aproveitam as chances criadas. Foi o que aconteceu com o Fulham na tarde de sábado no estádio Riverside: o time criou, teve oportunidades, mas quem venceu foi o Middlesbrough. O placar de 2 a 0 quebrou a série de três vitórias seguidas dos Cottagers e manteve a equipe na zona de rebaixamento, após 11 rodadas da Championship.

A escalação de Kit Symons foi um dos pontos a serem destacados. Pela primeira vez desde o começo da era Magath, em fevereiro, houve repetição do time titular de um jogo para outro.

Apesar disso, o primeiro tempo foi sonolento. O Boro não demonstrava grande qualidade ofensiva, enquanto os londrinos se retraíram na defesa. O único bom momento foi pro time da casa: aos 12, Adomah desviou na pequena área e acertou a trave. As emoções ficaram para os 45 minutos finais.


Bettinelli (D) trabalhou, mas não evitou a derrota

Na verdade, poderíamos dizer que começaram a surgir aos 45 segundos da etapa derradeira. Um erro da defesa rendeu uma bela bicicleta de Tomlin, que Reach ainda desviou e mandou pra rede. Aos poucos, porém, o Fulham foi se acertando e chegando perto do gol. Tão perto que Hoogland parou no travessão após bom cruzamento de McCormack. Rodallega também teve oportunidade, mas finalizou alto demais. Aos 26, Christensen ia marcando o empate, mas Ayla afastou com um corte certeiro sobre a linha.

Rodallega (D) contra o goleiro Dimi: vantagem pro arqueiro
Com todas as alterações feitas por Symons, os dez minutos finais tiveram, pros Cottagers, ao menos seis jogadores com características ofensivas: Roberts, George Williams, Christensen, Rodallega, Smith e McCormack. Mas nenhum deles logrou o empate e, como resposta a isso, o Boro fechou a conta aos 37. Em contragolpe, Adomah tabelou com Kike e saiu na frente de Bettinelli. Ficou fácil para anotar 2 a 0.

Apesar do bom desempenho, os números são cruéis para os Cottagers. A oitava derrota em 11 jogos deixa o time com sete pontos, a três do Wigan, primeiro fora da zona de queda. Ao menos a 22ª posição foi mantida. No dia 18 (após a pausa pra data FIFA), o desafio será o Norwich, em Londres.

Middlesbrough: Dimi Konstantopoulos; Fredericks, Ayala, Omeruo e Friend; Clayton, Leadbitter, Adomah, Tomlin (Vossen) e Reach (Lopez); Kike (Whitehead).
Fulham: Bettinelli; Hoogland, Bodurov, Burn e Amorebieta (Smith); Parker, Christensen, Stafylidis (G. Williams) e Ruiz (Roberts); Rodallega e McCormack.


Fotos: Fulham FC

Um comentário:

  1. If you're searching for the highest paying Bitcoin ad network, join MellowAds.

    ResponderExcluir