Preview: Fulham - Blackburn Rovers



Depois de pouco mais de 20 dias, desde o dia pra ser mais exato, o Fulham volta a Craven Cottager neste sábado (20) para enfrentar o Blackburn e buscar a primeira vitória na Championship 2014/15. O jogo começará às 11h (horário de Brasília).

FULHAM
Desde a última quinta-feira, o Fulham está de técnico novo. Após grande apelo da torcida depois um começo tão ruim na temporada, o agora ex-técnico Felix Magath não resistiu à mais uma derrota, dessa fez para o Nottingham Forest, e foi demitido por Sahhid Khan. A princípio interinamente, Kit Symons, ex-jogador cottager e que até então estava no comando da equipe sub-21 do Fulham, assumiu o comando do time principal.

E em sua primeira entrevista, Symons demostrou alegria por estar no comandado da equipe, mas que fará o possível para tornar-se o treinador oficial: "Eu estou realmente animado com isso [ser treinador do Fulham]. É uma grande oportunidade para mim no clube, eu sei muito bem".

"Eu fiz o papel de [treinador] interino muitas vezes em diferentes clubes, então isso [ser o treinador oficial] certamente é algo que eu sinto que estou preparado".

Um dos pontos positivos do treinador é o fato de Symons conhecer bem o clube, por ter jogado nos Whites, assim como conhece muito bem as categorias de base do Fulham: "Não querendo me gabar muito, mas nenhum outro conhece as categorias de base como eu. Eu entendo o que os torcedores querem, o que as pessoas que trabalham aqui precisam e o que esses jogares precisam saber. É um grande trabalho, mas eu estou muito, muito animado e confiante que nós podemos nos mover para cima na tabela em breve".

Se uma coisa que muitos discutiam em Magath, o fato da relação dele com o elenco, Symons demonstrou afinidade com os atuais jogadores: "Eu falei com alguns jogadores e eles estão incrivelmente animados. Eu dei toda confiança no método que eu treino e estes jogadores irão amar isso", afirmou Symons, que disse também ter tido uma conversa com Bryan Ruiz: "Bryan foi um desses jogadores que eu tive uma conversa. Ele é um jogador fantástico e com a conversa que tivemos na quinta ele está muito animado".

As mudanças no time terão de ser rápidas. Em sete rodadas, os Cottagers conseguiram apenas um empate (justamente no último jogo em Craven Cottage) e seis derrotas. Além disso, mesmo em caso de três pontos, não conseguirá sair da zona do descenso.

Para a partida, Symons não poderá contar com os atacantes recém-chegados Adam Taggart, que recupera-se de cirurgia, e Matt Smith, cumprindo segundo jogo de suspensão por conta da expulsão contra o Reading. Muito está sendo especulado na imprensa sobre algumas mudanças na equipe com relação aos nomes de Kay Voser, Chris David, Emerson Hyndman e Sean Kavanagh, que poderão ficar como opções, além da talvez efetivação de Ruiz entre os titulares. Porém, ainda é difícil precisar as mudanças exatas que serão feitas.

BLACKBURN
A equipe do treinado Gary Bowyer, que nessa semana declarou que a equipe precisa ter mais atenção na parte defensiva, ocupa a metade da tabela na 13ª colocação com dez pontos em sete jogos.

Para a partida em Londres, o desfalque já certo é o meio-campista David Dunn, que está em fase final da recuperação de lesão no joelho, mas ainda não está fisicamente apto para jogar. As dúvidas ficam por Jason Lowe, Tommy Spurr e Chris Brown, que estão num estágio mais avançado de recuperação de contusão, mas ainda não têm certo o nome entre os jogadores da partida.

O atacante recém-contratado Shane Duffy fará provavelmente sua primeira partida como titular após ter se lesionado durante a pré-temporada.

RETROSPECTO


O último encontro entre as equipes foi na Premier League 2011/12, em Blackburn, e os donos da casa venceram por 3 a 1. Nas duas últimas partidas em Londres, o Fulham venceu uma e empatou a outras.

No total de 78 jogos, os Rovers tem vantagem com 33 vitórias, contra 24 vitórias Cottagers e 21 empates.

Nenhum comentário:

Postar um comentário