Kvist: "Ninguém merece um técnico como Magath"


O volante William Kvist, que esteve emprestado ao Fulham durante os seis meses finais da última temporada, e que agora retornou ao Stuttgart, fez duras críticas ao técnico Felix Magath e seu modelo de gestão. O jogador dinamarquês afirmou, entre outras coisas, que Magath não apoia seus comandados e não comanda treinos táticos.

"Um técnico deve proteger, motivar e apoiar sua equipe. Ao invés disso, Magath cria medo, estresse e incerteza. Sua experiência e liderança são as piores que já experimentei", detonou Kvist.

O volante foi além, comentando as incertezas proporcionadas pelo manager alemão antes das partidas que culminaram no rebaixamento dos Whites para a segunda divisão inglesa. "Nós nunca sabíamos o que aconteceria. Ele nunca trabalhou táticas antes dos jogos. Ninguém merece um técnico como Magath".

Kvist, contratado justamente na gestão do atual técnico do Fulham, também revelou um detalhe curioso. "Uma vez, um colega de equipe foi autorizado a determinar a forma como nós treinamos um dia antes de um jogo importante. Isso porque era seu aniversário", contou.

Magath foi o terceiro treinador a comandar os londrinos na trágica campanha da temporada passada. Antes dele, passaram por Craven Cottage os holandeses Martin Jol e Rene Meulensteen. O alemão tem contrato até o fim da temporada que está por começar.