Repercussões: Aston Villa 1-2 Fulham



Conforme vimos no post anterior, o Fulham lutou até o último minuto no sábado, para conseguir uma vitória fora de casa contra o Aston Villa e se manter vivo na luta contra o rebaixamento. Agora é a hora de vermos como foram as repercussões do jogo na opinião do técnico Felix Magath.


Em entrevista após o duelo no Villa Park, nosso manager mostrou-se feliz com o desempenho do time, demonstrando até um bom humor ao revelar o ambiente do vestiário cottager. "Era última chance de nos mantermos vivos na liga e, portanto, foi um jogo muito difícil e espetacular", disse Magath. "Nós saímos na frente, mas eles conseguiram o empate, o mesmo que aconteceu na semana passada [contra o Everton] para nos colocar para baixo".

"Mas hoje voltamos ao jogo, nós lutamos pelo resultado e até mesmo a grande oportunidade perdida por Lewis Holtby não nos impediu de conseguir o resultado. Conseguimos a vitória nos últimos minutos e isso é um sinal, para todos os torcedores, de que estamos lutando e queremos ficar na liga".

Hugo Rodallega faz uma temporada frustrante, mas saiu do banco para marcar o seu primeiro gol na Premier League: o gol de uma vitória heroica, algo de valor inestimável, e sobre isso Magath disse: "Ele mostrou nos treinamentos que está em boa forma. Eu perguntei a ele antes do jogo se ele estaria pronto: ele me disse que sim e que iria marcar".

Com o apoio de 3.000 torcedores no Villa Park, a merecida vitória colocou o Fulham na 18ª Posição, cinco pontos atrás do 17º colocado Norwich City, que é o adversário Cottager na próxima rodada em Craven Cottage.

"Temos que vencer nossos jogos e não importa contra qual time vamos jogar", ponderou Magath. "Precisamos de pelo menos mais três vitórias, para permanecermos na Premier League. Com esta vitória de hoje, temos a confiança de que seremos capazes de vencer as outras equipes".

"Foi muito importante a vitória de hoje. Os torcedores nos apoiaram durante os 90 minutos e foi uma grande atmosfera para a equipe. Você não pode imaginar a situação no vestiário - os jogadores estavam tão felizes. Eles me obrigaram a dar-lhes dois dias de folga!", conta o manager.

Opinião do blog: a vitória fora de casa contra o Aston Villa, foi sem dúvidas, um grande resultado para o Fulham. Porém, ainda há muito a fazer na Liga para um time que quer fugir do rebaixamento e o time não pode perder o foco nos próximos jogos.