Damien Duff confirma despedida



O meia Damien Duff deixará o Fulham ao final desta temporada. Aos 35 anos, o irlandês está fora do jogos restantes do time na Premier League devido a uma séria lesão no joelho, mas confirmou que não permanecerá no clube de Londres para 2014/15.

"O clube não falou comigo e eu ainda não falei com o clube, mas é certo que estarei deixando o Fulham", disse o veterano. 

"Foram ótimos anos aqui, mas isto é o futebol", acrescentou - Duff chegou ao clube em 2009 e, de lá pra cá, realizou 173 partidas. Seu último jogo foi contra o Sheffield United, no confronto que significou a eliminação Cottager na Copa da Inglaterra. Na ocasião, ele sofreu uma ruptura nos ligamentos do joelho e encerrou sua temporada ali.

Duff falou ainda que pretende seguir para novos ares, como jogar na MLS, onde atua seu amigo e parceiro de seleção irlandesa, o atacante Robbie Keane. E sobre isso, o winger comentou:

"Ele (Robbie Keane) obviamente gostou muito dos primeiros seis meses (nos Estados Unidos) e eu vejo que ele assinou um novo contrato, o que significa que ele jogará lá por um bom tempo ainda", disse Duff. 


"Vamos ver o que acontece, mas eu não me importaria de tentar ser justo, mas eu tenho que voltar em primeiro lugar. Tenho um parafuso no meu joelho agora e, hoje em dia, um parafuso no joelho de um winger não é algo bom, mas vamos ver o que acontece."


Duff em ação pela República da Irlanda
Foto; Sky Sports
De 1998 até 2012, Damien Duff disputou 100 jogos e marcou 8 gols pela seleção da República da Irlanda, tendo disputado a Copa do Mundo de 2002 e a Euro 2012.

Na copa de 2002, realizada no Japão e na Coréia do Sul, o winger foi o autor de um dos gols da vitória irlandesa por 3 a 0 sobre a Arábia Saudita.

"Duffer" como é chamado pelos companheiros de clube, também foi titular e um jogador importante para o Fulham, em boa parte da campanha do vice-campeonato da UEFA Europa League 2009/2010.

No torneio, Duff marcou o gol da classificação para a fase de grupos, contra os russos do Amkar Perm. O Winger também foi titular na final, contra o Atlético de Madrid, realizada em Hamburgo.

Opinião do Blog: Duff pode não estar, atualmente, em sua melhor forma física e técnica no Fulham. Mas com certeza, deve ser respeitado por tudo o que fez pelo clube, sendo lembrado por muito tempo em Craven Cottage.

Obrigado por tudo, Damien Duff!