Fulham luta, mas toma gol no fim e perde outra


Pela 18ª vez em 26 rodadas, o Fulham saiu de campo derrotado. Desta vez, a atuação foi, mais uma vez, boa, mas a maior qualidade do Liverpool fez a diferença e os Reds, graças a um gol de pênalti aos 45 do segundo tempo, venceram por 3 a 2. Assim, os Cottagers seguiram na lanterna da Premier League, distante quatro pontos de sair da zona de rebaixamento.

Rene Meulensteen só mudou uma peça do time que arrancara um empate na casa do Manchester United. Muamer Tankovic foi sacado pra entrada de Darren Bent. Já nomes como os de Hugo Rodallega e Clint Dempsey, evidentemente desprestigiados, sequer no banco ficaram. Kostas Mitroglou, vetado por lesão, atuou mais cedo no time sub-21 e fez dois gols no jogo contra o Aston Villa (vitória por 5 a 3).

O início contra o Liverpool, quarto colocado, foi animador. O Fulham pressionava a saída de bola adversária e, desse jeito, abriu o placar cedo. Aos sete minutos, Lewis Holtby encontrou Kieran Richardson na área; o camisa 15 pegou mal na bola, mas Kolo Touré fez o favor de mandar uma rosca e anotar um estranhíssimo gol contra, 1 a 0.

Touré (E), contra, fez o primeiro dos Whites
Aos poucos, porém, os visitantes foram chegando e criando, mas Maarten Stekelenburg e a falta de pontaria de Luis Suárez foram garantindo a manutenção do placar. Isso até os 41 minutos, quando Ryan Tunnicliffe perdeu a bola no meio pra Gerrard. O meia deu belo lançamento pra Sturridge, na cara do gol, deixar tudo igual.

Na etapa final, os Reds vieram com uma postura completamente ofensiva. Com mais de 70% de posse de bola, o time de Brendan Rodgers dominava as ações. Na principal chance, Suarez acertou a trave de Steke. O Fulham, porém, respondeu com gol. Sascha Riether cruzou da direita, Skrtel cortou parcialmente e Richardson, na pequena área, marcou 2 a 1. A vantagem durou pouco. O brasileiro Philippe Countinho cortou pro meio e, de canhota, empatou mais uma vez.

As coisas pioraram pro Fulham aos 31 minutos: Stekelenburg, em dividida com Suarez, acabou levando a pior. Com o olho direito inchado, teve de sair pra entrada de David Stockdale. Se podia piorar, bem... piorou. No último minuto do tempo regulamentar, Riether errou o tempo da jogada e deu um carrinho sem bola em Sturridge. Pênalti que Gerrard não desperdiçou e assegurou a vitória dos visitantes por 3 a 2.

Com 20 pontos, os comandados de Meulensteen vão agora pra um duelo direto na luta pela sobrevivência. No sábado, o adversário será o West Brom, primeiro time fora do Z3 (com 24 pontos), fora de casa. A luta continua.

Fulham: Stekelenburg (Stockdale), Riether, Heitinga, Burn, Riise, Sidwell, Kvist, Tunnicliffe, Richardson (Kacaniklic), Holtby e Bent.
Liverpool: Mignolet, Flanagan, Skrtel, Touré, Cissokho, Gerrard, Coutinho (Agger), Sterling (Teixeira), Henderson, Suarez e Sturridge.

Fotos: BBC

Confira os lances do jogo aqui.