Preview: Fulham - West Ham



O Fulham estreia o ano de 2014 em derby mais que importante para as pretensões Cottagers de permanecer na Premier League na próxima temporada. O jogo contra o West Ham será no Craven Cottage. nesta quarta-feira, às 13 horas (horário de Brasília).

FULHAM

Depois da última rodada tenebrosa com a goleada de 6 a 0 sofrida diante do recém-promovido Hull City, jogadores e o técnico Rene Meulensteen se desculparam pela catástrofe e prometeram mais nas próximas rodadas. "Acredito que todos os jogadores passaram por uma experiência embaraçosa, mas isto se foi. A coisa mais importante é você aprender com isso, apagar e olhar para frente porque a única coisa que pode nos afetar é a próxima partida", disse Meulensteen.

A partida, além de ser um derby londrino, e assim já cercado de rivalidade e importância, é de extrema relevância na tabela. O Fulham tem um ponto e uma posição acima do West Ham, e só a vitória interessa na busca de sair da zona de rebaixamento e do penúltimo colocado.

Para isso, a vitória cottager em casa e uma derrota, ou empate, do Crystal Palace, dão um bom começo de ano aos torcedores dos Whites.

Para o confronto, o técnico não poderá contar com os habituais desfalques: Marteen Stekelenburg, Brede Hangeland e Matthew Briggs. As dúvidas ficam por conta de Dimitar Berbatov e Adel Taarabt, que sentiram desconfortos na virilha e no tornozelo, respectivamente, e são dúvidas. Com isso, Darren Bent tem possibilidades de liderar o ataque.

Scott Parker volta ao meio-campo Cottager, enquanto Philippe Senderos também poderá ser aproveitado, o que eu num sei se será um reforço. Giorgos Karagounis e Hugo Rodallega serão observados para para saber se terão condições físicas ideais para a partida.

WEST HAM

Os Hammers também vêm de uma campanha não muito animadora na temporada. Mesmo conseguindo uma heróica classificação para as semifinais da Capital One Cup sobre o Tottenham, a equipe ocupa hoje a penúltima colocação da Premier League.

O técnico Allandyce estão sem seus zagueiros titulares: James Tomkins saiu da última partida (uma derrota para o Arsenal) com lesão no joelho e, assim como seus companheiros de posição, James Collins e Winston Reid, não possui condições de jogo.

Os problemas não param por aí. Andy Carroll voltou a treinar após longo tempo contundido e não tem condições de estar em campo, assim como Ricardo Vaz Te, com lesão no ombro, Stewart Downing, lesionado na virilha, e o ex-Cottager Mladen Petric, com contusão na coxa.

Apesar disso, o meio-campo Ravel Morrison está de volta e à disposição do técnico, após contusão no joelho.

RETROSPECTO

Os Hammers possuem 37 vitórias no derby, tendo dez a mais que o Fulham e 19 empates. A última partida foi um desastre para o Fulham mais uma vez, e a equipe perdeu por 3 a 0 no Upton Park. Este jogo decretou também o fim da passagem de Martin Jol em Craven Cottage (lembre aqui).

A Equipe Fulham FC Brasil agradece a todos que acompanharam-nos em 2013 e deseja a todos um ótimo ano de 2014!