Preview: Everton - Fulham



Este sábado (14) é dia de Premier League e dia do Fulham entrar em campo. O desafio da vez será contra o Everton, time que faz boa campanha nesta Premier League. O jogo será em Liverpool, no estádio Goodison Park, às 13h, horário de Brasília.

FULHAM

Após uma boa apresentação, mesmo sendo derrotado, diante do Tottenham e uma vitória contundente contra o Aston Villa, os torcedores estão cada vez mais otimista com o trabalho de Meulensteen. É claro que o Fulham ainda está na zona do descenso, mas o futebol apresentado desde a saída de Martin Jol é para encher os torcedores de esperança. Este jogo contra o Everton é encarado como um dos grandes desafios para testar o bom rendimento dos Cottagers.

Para isso, Meulensteen terá à disposição o atacante Darren Bent, que estava com um pequeno problema no tendão, que o tirou da ultima partida. Contudo, os desfalques ainda são grandes: antes da última partida contra o Villa, Fernando Amorebieta sentiu dores no tendão e ainda não é confirmado para a partida em Liverpool. Brede Hangeland ainda se recupera de cirurgia no nervo ciático, assim como Matthew Briggs, que fez cirurgia de hérnia. Hugo Rodallega continua em tratamento para recuperar-se de um problema muscular.

EVERTON

Já o Everton vem embalado para a partida deste sábado. Após dois ótimos resultados fora de casa - um empate contra o líder Arsenal na ultima rodada e uma vitória frente ao Manchester United na penúltima rodada, os comandados de Roberto Martinez ocupam neste momento a quinta colocação, com uma diferença de apenas dois pontos para o vice-líder, e rival, Liverpool. Q

ualquer tropeço dos Reds, além de Chelsea e Manchester City, pode colocar os Toffees na zona de classificação para a UEFA Champions League. Por isso, motivação não falta aos nossos adversários.

Para esta partida, Martinez não terá à disposição o meio-campista James McCarthy. Com isso, Leon Osman é o mais cotado pra estar no meio de campo, por já ter jogado na última partida contra o Arsenal. Porém, Barkley também é uma opção caso o técnico queira dar mais profundidade ao time.

O defensor Tony Hibbert sofreu uma pequena lesão no joelho durante os treinamentos e ficará de fora, assim como o lateral Baines, que se recupera de contusão no dedo do pé.

HISTÓRICO DO CONFRONTO 

O retrospecto não é nada favorável para o Fulham. Em 54 partidas são 27 vitórias dos Toffees e 16 dos Cottagers, tendo ocorrido 11 empates. Curioso é que ambas as equipes dentro de casa tem muito bom desempenho. Por exemplo, em Craven Cottage, o Fulham perdeu apenas cinco partidas em 27 jogos. Porém, em Liverpool, o Fulham nunca conseguiu ganhar do Everton.

Um dos confrontos históricos entre as duas equipes foi pela FA Cup de 1975. O Fulham, em seu caminho para a final, enfrentou pela quinta fase da competição o Everton, que na época era uma das grandes forças da Inglaterra, tendo conquistado o título inglês de 1971.

Em 1975, os Cottagers disputavam a segunda divisão e em alguns momentos da competição chegaram a ficar muito embaixo da tabela. Por conta disso, a vitória do Everton e a passagem para as quartas de final já eram dadas como certas. Porém, Viv Busby marcou dois gols que definiram a vitória por 2 a 1 (confira a reportagem aqui).

O último confronto também teve resultado surpreendente: vitória do Fulham por 2 a 1 de virada, em meio a série de derrotas no chamando de Martin Jol. O jogo foi válido pela Copa da Liga Inglesa, e valeu classificação para os Cottagers (relembre aqui).

PROVÁVEIS ESCALAÇÕES 
Everton: Howard; Coleman, Jagielka, Distin, Oviedo; Osman, Barry, Mirallas, Barkley, Piennar; Lukaku.
Fulham: Stekenlenburg; Riether, Senderos, Hughes, Riise; Parker, Karagounis, Sidwell, Dejagah, Kacaniklic e Berbatov.