Repercussões: Fulham 1-1 Blackpool


Empate amargo em Craven Cottage
No último sábado, o Fulham recebeu o Blackpool pela FA Cup. E, com o empate, após sair atrás do placar, os Cottagers não conseguiram eliminar o replay, como é conhecido o jogo de volta.


Ficou muito claro, tanto para a imprensa quanto para o técnico Martin Jol o desapontamento com o resultado. Os jornais ingleses ressaltam a fragilidade do Fulham, sobretudo no meio campo. Karagounis, por exemplo, salvou o time, porém não é possível contar que o grego consiga ter atuações em alto nível regularmente, segundo os jornalistas.
Jogadores dos dois times perfilados antes do jogo
A imprensa também destacou os bons nomes no ataque do Fulham, como Berbatov e Ruiz -- que têm sido muito importantes para os Whites, mas o time não conta com a mesma força na defesa. E é isso que tem provocado a irregularidade na equipe, que é capaz de vencer o bom time do West Bromwich fora de casa e não conseguir uma vitória em Craven Cottage contra o modesto Blackpool.

Jogadores mostram desapontamento
Martin Jol também se mostrou desapontado com o jogo: “Nós estamos frustrados porque tínhamos muito para jogar, mas não conseguimos manter a posse de bola, então isso é frustrante, e claro, você fica mais frustrado depois de eles terem feito o gol, então empatamos faltando nove minutos para acabar o jogo, o que foi um alívio”.

O manager dos Cottagers comentou o fato de usar a força máxima disponível para o jogo da FA Cup, o que não é algo comum para as equipes da Premier League: “Nós jogamos com o mesmo time novamente, então todos perceberam que estávamos levando as coisas a sério. Eu quis mostrar um sinal ao time e aos torcedores”.

“Houve muitas mudanças com os outros times, mas nós não mudamos. Nós fomos bem contra o West Bromwich, nós fomos bem contra o Swansea, então eu pensei em jogar com o mesmo time”.

O treinador minimizou o fato de ser um problema jogar o replay, porém, ressaltou a dificuldade de jogar na casa dos Tangerines: “Eu não posso culpar os jogadores, eles fizeram o máximo que podiam. É apenas um outro jogo [replay] para nós, então temos que ir lá e se fizermos o que fizemos contra o WBA não será grande problema”.

“Mas é claro, com os jogadores que eles têm, ficarão ainda melhores jogando em casa e isso será um grande desafio para nós”.
Karagounis comemora muito seu gol
Giorgios Karagounis comentou sobre a sensação após seu primeiro gol com a camisa do Fulham e ainda mais sendo tão importante: “Estou feliz com o gol. Me deu muita satisfação, mas eu quero usar isto como uma oportunidade de dar mais ao time e dar mais aos torcedores. Foi ótimo que este gol tenha sido em casa, em Craven Cottage”.

O replay deste jogo será no dia 15, porém, no sábado (12), o Fulham enfrenta o Wigan pela Premier League.