Repercussões: QPR 2-1 Fulham, Etheridge se lesiona e Stockdale é chamado de volta do empréstimo

Baird teve dificuldades na marcação de Taarabt
Por questões universitárias, este escritor que aqui vos fala, acabou se atrasando um pouco para fazer as nossas conhecidas repercussões. Conforme já vimos no post do Matheus, o Fulham não conseguiu encontrar o bom futebol em Loftus Road e acabou sendo derrotado pelo QPR, pelo placar de 2 a 1.

Começamos pela imprensa inglesa, onde houve grande destaque para a grande atuação do meia-atacante marroquino Adel Taarabt, autor dos dois gols da primeira vitória dos Hoops sob o comando do técnico Harry Redknapp.

Martin Jol tentou explicar a má atuação do time.

Na tradicional entrevista coletiva após o jogo, Martin Jol falou sobre o péssimo resultado no clássico londrino: "Nós deveríamos ter jogado melhor para os torcedores. Mas nós não tomamos a iniciativa. Eu não acho que nós merecíamos um resultado melhor hoje", disse Jol ao fulhamfc.com. "Nós estamos muito desapontados com o nosso estilo de jogo. Posso reclamar sobre os gols, mas, sobretudo no primeiro tempo, nós não tivemos oportunidade de usar a nossa qualidade".

"Nós não tivemos a posse da bola com nossos jogadores de qualidade, o que nos fez parecer um pouco rígidos, um pouco estáticos. Eu não acho que tenha sido a nossa atitude ou aplicação - as nossas intenções eram boas - mas não conseguimos jogar. O QPR dominou a pose da bola o tempo todo. Toda bola que jogamos para a frente foi interceptada e eles tiveram um pouco de qualidade também".

"Eles tinham Taarabt hoje e você precisa fazer algo diferente para marcá-lo. Mas lhe demos a oportunidade de brilhar, o que é irritante. O futebol é simples, mas não conseguimos fazer as coisas simples. Nós não conseguimos jogar no ritmo que gostaríamos".

Jol fez apenas uma mudança nos 11 titulares que derrotaram o Newcastle United por 2-1 na rodada passada. Porém, a atuação não foi nada perto do que os whites mostraram no confronto com os Magpies.

"Dimitar Berbatov fez bem um bom jogo, mas ele não pode fazer tudo por conta própria", disse  Martin Jol. "Eu dei 10 dos 11 jogadores que começaram na noite de segunda-feira um acaso, mas muitos jogadores não estavam lá. Tivemos cinco ou seis jogadores que não foram tão bem quanto poderiam ser. Estes são os jogadores que podem ditar jogos".

Jol tambem falou sobre o atacante croata Mladen Petric, que saiu do banco para descontar para o Fulham e deu alguma esperança aos torcedores presentes em Loftus Road.

"Não foi muito longe do final", ponderou. "Toda vez que tento fazer algo com uma substituição, algo acontece. E isso aconteceu de forma positiva hoje de novo".

Não haviam muitas opções em uma tarde infeliz no Loftus Road. o lateral direito Sascha Riether foi substituído ao intervalo, depois de sofrer uma lesão nas costas, enquanto Steve Sidwell recebeu cartão amarelo, o quinto dele na temporada, que lhe  uma suspensão de um jogo e o deixar de fora da viagem de sábado para  Liverpool.


"Nós vamos ter que avaliar Riether, ele sentiu uma lesão nas costas", afirmou Jol. "Ele não poderia continuar após o intervalo. Temos que jogar contra o Liverpool na próxima semana, mas Sidwell levou cartão amarelo e, portanto, estará suspenso. Bryan Ruiz também está fora, mas nós queremos mostrar o que podemos fazer".

David Stockdale está de volta

Stockdale em ação pelo Hull City
O Fulham confirmou hoje em seu site oficial, o retorno do goleiro David Stockdale, que estava emprestado ao Hull City. O motivo da volta do jovem goleiro, é a lesão na perna do filipino Neil Etheridge, ocorrida no jogo do time sub-21 contra o Manchester City.

Com a camisa dos Tigers, Stockdale atuou em cinco jogos e conseguiu dois clean sheets (jogos sem tomar gol), notadamente ajudando a equipe do técnico Steve Bruce a conquistar 10 pontos na atual temporada Championship.

O camisa 13 do Fulham, retornará aos treinos em Motspur Park amanhã e deve ser o reserva imediato do australiano Mark Schwarzer, no jogo do próximo sábado, quando o Fulham enfrentará o Liverpool em Anfield Road.

Opinião do blog: Já está na hora de o Fulham reencontrar as boas atuações e conseguir melhores resultados, pois caso contrário, a situação do time na tabela poderá se complicar. Quanto ao retorno de Stockdale, era algo desnecessário mesmo com a lesão de Etheridge, pois jovem inglês precisa jogar para evoluir e para a reserva de Mark Schwarzer, há o hungaro Csaba Somogyi, além dos garotos Marcus Bettinelli e Jesse Joronen do Fulham Academy.

Nenhum comentário:

Postar um comentário