Preview: West Bromwich - Fulham

No jogo em Londres, Berba anotou seus primeiros gols pelo Fulham

Com um retrospecto terrível no fim de 2012, o Fulham inicia o ano novo com uma partida complicada longe de seus domínios. Nesta terça, os Whites visitam o West Bromwich, que ocupa o sétimo posto na tabela, e tentam voltar às vitórias após quatro rodadas. A partida terá transmissão ao vivo da ESPN Brasil, a partir de 10h30 (de Brasília).

Martin Jol tem esperança de voltar a contar com o goleiro Mark Schwarzer, que perdeu o último confronto, contra o Swansea, devido a um problema no pescoço. Já o volante Mahamadou Diarra, o meia Damien Duff e o atacante Mladen Petric não devem pegar o WBA, mas o treinador não descartou deixar algum deles no banco de reservas. De resto, a expectativa é que o manager repita o time que levou 2 a 1 dos Swans no sábado.

Pelo lado dos mandantes, o técnico Steve Clarke tem ainda mais problemas. Youssouf Mulumbu, Jonas Olsson, Goran Popov, Steven Reid e Claudio Yacob são dúvidas. A campanha sob o comando de Clark é considerada espetacular. Depois de várias temporadas indo e vindo da segunda divisão, o West Brom enfim atingiu uma estabilidade - e já soma o dobro de vitórias do Fulham em 20 rodadas.

A favor do West Bromwich para o confronto, há o retrospecto da temporada e dos confrontos contra o Fulham. Até agora, dos 30 pontos conquistados, 22 foram ganhos no estádio The Hawthorns - apenas Manchester City e Stoke venceram o WBA no local. Ainda há outro fator: em 12 confrontos entre WBA e Fulham pela Premier League, nunca um visitante venceu. No primeiro turno desta temporada, vitória fácil dos londrinos: 3 a 0, gols de Dimitar Berbatov (dois) e Steve Sidwell. Em 2011/12, empate em Londres (1 a 1) e vitória do Albion (2 a 1) em casa.
Dempse (E) e Dembele (C), pelo Fulham, contra o WBA em 2011
  Pelo lado visitante, que tem uma vitória, cinco empates e seis derrotas nos últimos 12 jogos, o histórico fora de casa é igualmente tenebroso. Nesta temporada, apenas uma vitória. A defesa também vem proporcionando fortes emoções: nos 20 jogos envolvendo os Cottagers na liga, em 17 houve três ou mais gols.

Com estes números pouco honrosos e diante de um time que faz ótima campanha, o Fulham busca vencer pela primeira vez no The Hawthorns. Se depender das galinhas cottagers, este tabu irá, enfim, acabar. Será?

COME ON YOU WHITES!