Preview: Fulham - Tottenham


Fulham vs Tottanham
Neste sábado (1), o Fulham tem pela frente mais um derby londrino. Talvez não com tamanha rivalidade quanto o derby contra o Chelsea, o qual enfrentamos quarta-feira passada, mas esse jogo em especial gera uma rivalidade por conta da última janela de transferência.

No início desta temporada, Mousa Dembele e Clint Dempsey, jogadores extremamente importantes e essenciais para o time de Jol, além de terem grande carinho da torcida, saíram de Craven Cottage rumo a White Hart Lane. Será o primeiro encontro de Dembele e Dempsey com a torcida após a saída. 

Jol e Dempsey: reencontro gera expectativas
E principalmente a volta de Dempsey gera maior expectativa (oficialmente) por parte da torcida e da imprensa, muito por conta da polêmica saída do americano. Dempsey deixou claro o fato de querer sair do clube, dizendo que queria disputar grandes torneios como a Uefa Champions League (???). Muito foi dito também sobre possíveis desavenças com o técnico Martin Jol, mas o que de fato é confirmado é que Dempsey não saiu de uma forma muito amistosa (diferente de Dembele).

Dempsey essa semana declarou ainda que não se sentiu valorizado, mas que guarda boas lembranças dos tempos de Craven Cottage: “Se você sempre se sente valorizado o bastante, você não pensa em ir embora, mas eu estive num ponto onde eu não me sentia valorizado, não pelos torcedores, mas por outras situações. Foi assim que as coisas aconteceram. Mas não importa o que aconteça, eu sempre olharei para trás e terei boas lembranças”.
 
Official Programme da década de 60
Jol também não quis entrar em polêmicas, e elogiou o ex-comandado: “Há também o retorno de Clint Dempsey, que nos deixou esperando jogar a Uefa Champions League. Nós o utilizamos em uma papel levemente diferente, agora ele está jogando entre os dez melhores times. Eu tenho certeza que ele se adaptará porque ele é um jogador que está sempre com fome de gols”.

Mas o encontro não é só pó parte dos ex-cottagers, mas também dos ex-Spurs: Martin Jol e Berbatov. O amanager não reencontra seu antigo time pela primeira vez, já Berbatov joga pela primeira vez com a camisa do Fulham contra o time que o deu mais visibilidade.

Para a esta partida, Jol conta com o retorno de Richardson. O jogador, que estava com dores no tendão, está apto a estar em campo. Porém, o mesmo não pode se dizer de Kacaniklic e Ruiz, que com a mesma lesão ainda foram poupados. Boa notícia em Craven Cottage é a volta de Simon Davies aos treinos depois de uma séria lesão no quadril. Outro que ainda está fora é Brede Hangeland, que cumpre seu último jogo de suspensão pela expulsão contra o Sunderland [lembrando que na Premier League o jogador expulso é suspenso por três partidas].

Simon Davies (29) pelo Tottenham
Pelo lado dos Spurs, que apesar da campanha um tanto quanto irregular, vem fazendo uma boa campnha. Para essa partida, Villas Boas tem dúvida se terá a disposição Steven Caulker, que esteve fora do jogo contra o Liverpool no meio de semana para não agravar a lesão. Porém é certo que não possa contar com o volante destaque da última temporada, Scott Parker, com contusão no tendão de Aquiles. O lateral Assou-Ekoto, com dores no joelho, assim como Younes Kaboul, que sofre do mesmo problema, também estão fora. Adebayour é outra ausência, cumprindo suspensão pela expulsão diante do Arsenal.

FIQUE DE OLHO

Gareth Bale e Defoe têm sido destaques e grandes responsáveis pelo sucesso dos Spurs nas últimas temporadas. Mousa Dembele e Dempsey são velhos conhecidos e sabemos como são jogadores decisivos. Além desses, o bom zagueiro Jan Vertonghen, ex-Ajax e ex-comandado de Jol, estará improvisado na lateral esquerda, mas é um zagueiro que tem feito boa dupla com Bale na esquerda, e o ataque terá problemas com ele.

RETROSPECTO

Os Spurs têm ampla vantagem sobre os Cottagers, inclusive em Craven Cottage: são 15 vitórias do Tottenham contra dez do Fulham em Craven Cottage, além de 14 empates. Já no confronto geral a diferença aumenta: 39 do Tottenham e apenas 12 do Fulham e vinte - mais seis empates.

AS GALINHAS

No entanto, as simpáticas galinhas cottagers, parecem não estar se importando com o retrospecto.



PROVÁVEIS ESCALAÇÕES

FULHAM: Schwarzer, Riether, Senderos, Hughes, Riise; Sidwell, Diarra, Duff, Richardson; Rodallega e Berbatov.

TOTTENHAM: Lloris, Walker, Dawson, Gallas, Vertonghen; Sandro, Dembele, Lennon, Bale; Dempsey e Defoe

Nenhum comentário:

Postar um comentário