Internacionais Cottagers: Hangeland marca e Noruega busca empate

Hangeland marcou para a Noruega
Rodada de eliminatórias pelo mundo é sinônimo de jogadores do Fulham em campo. E, como é costume aqui no Fulham FC Brasil, vamos dar uma passada pelos resultados e pelos desempenhos dos cottagers pelas suas seleções nacionais.

Destaque para a Noruega de John Arne Riise e Brede Hangeland, que contou com uma jogada comum ao fã cottager para buscar o resultado jogando fora de casa, nas eliminatórias europeias para a próxima Copa do Mundo.


Em Berna, os atletas do Fulham ajudaram a Noruega a buscar o 1 a 1 diante da Suíça, pelo grupo E. Riise cobrou escanteio e Hangeland subiu mais que os rivais para anotar seu terceiro gol pela seleção. O resultado deixou os noruegueses em terceiro na chave, com quatro pontos (a Suíça tem sete e a Islândia seis). Na terça, a Noruega vai ao Chipre.
Kacaniklic (19) empatou o jogo contra as Ilhas Faroe
Alex Kacaniklic tem muito o que comemorar. Em sua segunda partida pela seleção principal da Suécia, Kaca foi decisivo na sofrida vitória por 2 a 1 sobre as Ilhas Faroe, em Tórshavn. Foi dele o gol de empate, num chute cruzado da esquerda, antes de Zlatan Ibrahimovic dar o triunfo ao time que assumiu o segundo posto do grupo C, com seis pontos.

A liderança pertence à Alemanha, que detonou a República da Irlanda - que deixou Stephen Kelly - em Dublin: 6 a 1. Foi a maior derrota dos irlandeses como mandantes em sua história. Na próxima semana, os alemães recebem a Suécia, em Berlin. Os irlandeses ficaram no terceiro lugar e agora viajam até as Ilhas Faroe.

Karagounis é o grego com mais jogos pela seleção
Georgos Karagounis entrou no segundo tempo do empate da Grécia contra a Bósnia (0 a 0) e também entrou para a história. O seu 121° jogo pela seleção fez com que ele se tornar-se o atleta com mais aparições pela equipe grega, superando os 120 jogos de Theo Zagorakis.

 O empate deixou gregos, bósnios e ainda a Eslováquia empatados na ponta do grupo G, com sete pontos. Na terça, a Grécia visita aos eslovacos.

Chris Baird e Aaron Hughes novamente estão na lista de convocados da Irlanda do Norte, que ainda não venceu nesta campanha. E, na terça, o desafio promete ser bem difícil: Portugal, na cidade do Porto.

Lembramos também de Roy Hodgson, ex-técnico cottager e que manteve a invencibilidade no comando da Inglaterra. Na sexta, o English Team fez fáceis 5 a 0 contra San Marino, em Wembley, e manteve a liderança da chave H. Na semana que vem, um jogo certamente mais equilibrado aguarda Hodgson. Fora de casa, os ingleses pegam a Polônia.

Nas eliminatórias das Américas do Norte, Central e Caribe, Bryan Ruiz jogou durante o primeiro tempo na vitória da Costa Rica em El Salvador (1 a 0). Assim, os costarriquenhos estão em ótima situação para avançarem ao hexagonal final: basta vencer a eliminada Guiana, em casa, na próxima terça, para se classificar. Caso não faça isso, ainda consegue a vaga caso El Salvador não vença o classificado México, fora.

Ruiz: Costa Rica deve avançar na CONCACAF
Nos playoffs das eliminatórias da Euro sub-21, a Suíça começou o mata-mata contra a Alemanha com um bom empate por 1 a 1, em Leverkusen. O seu gol veio com um cottager: Pajtim Kasami fez o cruzamento para a cabeçada certeira de Drmic. Com o resultado, o time suíço tem ligeira vantagem para o jogo de volta. Esta etapa classificará as últimas sete seleções para a fase final do torneio, a ser disputado ano que vem em Israel - que, por ser anfitrião, é o único garantido.

Nas eliminatórias da Euro sub-19, estiveram em campo o israelense Omri Altman e o escocês Jack Grimmer. Israel sofreu duas derrotas (França 2 a 1 e Portugal 5 a 0), enquanto a Escócia fez 4 a 0 na Armênia, 1 a 0 na Romênia e visita, domingo, a Suíça. Em dois amistosos, Neil Etheridge representou as Filipinas nos empates contra Kuwait (1 a 1) e Bahrein (0 a 0).

Nenhum comentário:

Postar um comentário