Perto do fim do jogo, Fulham é castigado contra o City: 2 a 1

Aguero marcou o gol de empate ainda no primeiro tempo
O Fulham esteve muito próximo de conquistar um bom empate contra o Manchester City, neste sábado, pela sexta rodada da Premier League. Mas, aos 42 minutos, o time, já muito recuado, pagou o preço de não conseguir prender a bola no seu campo de ataque: Dzeko marcou o gol que deu a vitória, de virada, aos visitantes - 2 a 1, no primeiro revés dos londrinos em casa. O resultado manteve o time na zona intermediária da tabela.

Sem Berbatov, Martin Jol usou Petric ao lado de Rodallega na frente. Outra alteração em relação ao jogo contra o Wigan, na semana passada, foi a entrada de Ruiz no lugar de Kacaniklic.
Petric voltou a marcar pelos Whites
Os Whites desde o início mostraram que esperariam um erro do City para partir para o ataque. E, logo aos oito minutos, acabou favorecido pela arbitragem. Riise invadiu a área e caiu após toque de Zabaleta - pênalti, muito discutível, marcado para o time local. Na cobrança, Petric mostrou categoria para fazer 1 a 0.

Em vantagem, o Fulham desistiu de atacar. Os visitantes tomaram conta do jogo e foram rondando a área dos Cottagers. Aos 29, Aguero quase empatou, mas seu cabeceio foi na rede por fora. Aos 37, a única conclusão com perigo dos Whites após a abertura do placar - Ruiz mandou para fora após a sobra de uma cobrança de falta. Um minuto depois, Schwarzer salvou o Fulham defendendo uma bola em cima da linha. 

Com tamanha pressão, os londrinos não resistiram até o fim da etapa inicial. O empate veio aos 43, num lance muito rápido: Tevez chutou, Silva desviou, Schwarzer espalmou e, no rebote, Aguero empurrou para as redes.

Para a etapa final, a equipe de Jol seguiu totalmente recuada. As alterações do manager foram no mesmo sentido, com a saída de Petric e a entrada de Kacaniklic para reforçar o meio. Os Sky Blues seguiram rondando a área, mas pouco criavam devido aos levantamentos infrutíferos na área cottager.
Ruiz teve atuação apagada neste sábado
Até os 42 minutos. Dzeko, que entrara pouco antes em campo, foi decisivo. Clichy cruzou da esquerda, Riise afastou mal e o bósnio mandou uma bomba, na pequena área, direto no ângulo de Schwarzer, que não teve o que fazer. Em desvantagem, os Whites não tiveram reação e acabaram sofrendo sua primeira derrota como mandantes na liga.

Com nove pontos, o Fulham volta suas atenções para o Southampton, adversário do próximo domingo, em Southampton. E, muito provavelmente, ainda sem Berbatov disponível.

Fulham: Schwarzer, Riether, Hughes, Hangeland, Riise, Baird (Karagounis), Sidwell, Duff, Ruiz, Petric (Kacaniklic) e Rodallega.
Manchester City: Hart, Zabaleta, Kompany, Nastasic, Clichy, Y. Touré, Barry (Nasri), García (Dzeko), Silva, Tevez (Balotelli) e Aguero.

Confira os gols do jogo aqui, direto do site TV Golo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário