Euro 2012: Inglaterra vence Suécia em jogo cheio de emoções

Andy Carroll abre o placar para a Inglaterra.
Foto: 3news.co.nz / Reuters
Nesta sexta-feira a Inglaterra venceu a Suécia, em Kiev, pelo placar de 3 a 2. E ao que  parece, o técnico Roy Hodgson finalmente acertou o English Team, fazendo as pazes com a vitória em um jogo com duas viradas e cheio de emoções, onde brilhou a estrela do ex-técnico cottager. 

O primeiro gol do jogo foi marcado por Andy Carroll (foto) - curiosamente numa jogada efetuada por dois jogadores do Liverpool. O capitão Steven Gerrard foi à linha de fundo e cruzou para o grandalhão Carroll, de 1,91 de altura, marcar de cabeça aos 23 do primeiro tempo. 


Já na segunda etapa, Glen Johnson (contra) e Mellberg viraram para os suecos. Porém, Theo Walcott saiu do banco de reservas para fazer um gol e ainda cruzar para Danny Welbeck fazer um golaço de calcanhar.



O que se viu na capital ucraniana, além de um grande jogo das duas seleções, foi uma Inglaterra mais agressiva e determinada a buscar a vitória. A entrada de Andy Carroll no ataque, no lugar do garoto Alex Oxlade-Chamberlain, deu mais força ao ataque inglês e favoreceu o tradicional jogo aéreo do English Team.


A Suécia também teve seus méritos, a se destacar a grande partida de Olof Mellberg, jogador que defedeu o Aston Villa de 2001 a 2008 e hoje atua pelo Olympiacos. O zagueirão sueco conseguiu ser mais efetivo que o craque Zlatan Ibrahimovic, fazendo um gol e tendo participação direta no gol contra de Glen Johnson.


Roy Hodgson, treinador com notáveis passagens pelo futebol sueco, falou à imprensa na tradicional entrevista coletiva após o jogo.


“Estou muito orgulhoso pela forma como conseguimos dominar o primeiro tempo do jogo. Depois os suecos conseguiram nos dar muito trabalho e chegaram a virar o jogo, mas soubemos discutir o resultado e vencer de forma heróica. É excelente ter dois atacantes com esta qualidade, além da contribuição de Walcott, que foi determinante”, revelou.


“Estou feliz pela forma como os jogadores mais jovens se mostraram neste encontro e gostei muito da prestação do meio-campo, onde o Gerrard foi um verdadeiro herói, pela forma como organizou as coisas”, disse Roy Hodgson.


Questionado sobre se a volta de Rooney, após cumprir suspensão de dois jogos, poderá mudar  "cara" e a formação do time, o experiente Hodgson foi comedido:

“Ele é um jogador especial e será ótimo recebê-lo de volta na equipe. É um pouco como o Ibrahimovic, pode fazer tudo sozinho.”

Na próxima terça-feira ,a Inglaterra enfrenta a dona da casa Ucrânia na Donbass Arena, em Donetsk. O English Team pode vencer ou empatar para conseguir a vaga nas quartas de final.



Boa sorte, Roy Hodgson!

COME ON YOU WHITES!

Nenhum comentário:

Postar um comentário