Repercussões: Aston Villa 1-0 Fulham



Jogadores antes do início de partida

Neste sábado, o Fulham foi a Birmingham e frustrou os fãs Cottagers, que andavam mal acostumados com as boas vitórias nas últimas rodadas, e saiu derrotado com um gol aos 47 minutos do segundo tempo! Triste derrota para equipe que vinha numa crescente muito animadora.


Os jornais ingleses destacaram a vitória do Aston Villa, uma vez que o Fulham vinha de uma boa sequência de três triunfos seguidos (sendo a última por goleada frente aos Wolves por 5-0). Durante o primeiro tempo o Villa foi superior, onde criou as principais chances a gol. Porém, no segundo tempo o Fulham entrou de vez no jogo e equilibrou a partida, tendo como destaque Damien Duff, que mandou uma bola travem sendo um dos melhores jogadores Cottager na partida, segundo a imprensa.


Duff: segundo a imprensa, destaque do Fulham na partida

Segundo a mídia, pricipalmente no segundo tempo, a causa do Fulham não conseguir a vitória, mesmo com boas chances, foi a falta do toque final que nos últimos jogos vinha sendo dado principalmente por Pogrebnyak e Dempsey, que no sábado não estavam em seus dias mais inspirados.


Para Martin Jol, a derrota no fim do jogo é muito frustrante: "Nós queríamos a vitória. Me sinto mal. O empate seria um bom resultado, mas nós deveríamos ter marcado. Nós deveríamos ter marcado um gol, mas não o fizémos. Um ou dois erros podem custar a você, e foi isso que aconteceu".



Foi dito também que Dembele e Riise falharam durante a construção do gol do Aston Villa, mas Jol tratou de não culpa-los: "Nós não podemos dizer que eles nos causaram problemas. O Villa fez o gol nos últimos minutos, e isso é muito ruim".
                                                                              

Murphy, novo pugilista

Para o zagueiro Brede Hangeland, perder nos minutos finais é muito doloroso: "Particularmente, acho que não jogamos muito bem hoje, mas no segundo tempo defendemos muito bem e restringimos as chances deles. Mas perder tomando um gol nos últimos minutos antes de acabar o jogo é provavelmente a pior coisa que pode acontecer no futebol".


Hangelando também pôs panos quentes com relação a qualquer polêmica com relação ao lance em que Murphy se machucou: "Ele parecia um lutador de boxe, mas ele ficará bem. Não é legal quando isso acontece, mas eu não acho que houve qualquer intenção".


O próximo desafio dos Whites será em Craven Cottage, contra o bom time e concorrente na tabela Swansea, no sábado (17).

Fotos: Fulham FC

Nenhum comentário:

Postar um comentário