Faltou tudo: pontaria, competência, sorte...

Primeiro gol dos Spurs em chute de Bale
Tivemos um verdadeiro déjà vu na partida deste domingo entre Fulham e Tottenham, na 11ª rodada da Premier League. Assim como contra o Everton, os Whites sofreram um gol cedo, pressionaram o segundo tempo inteiro, desperdiçaram chances inacreditáveis e acabaram levando um gol nos acréscimos: o Tottenham, assim como o Everton, venceu por 3 a 1. O resultado derrubou os Whites para o 16° lugar, ainda com dez pontos.

De última hora, Andy Johnson foi desfalque para Martin Jol, devido a um desconforto muscular. Moussa Dembele foi seu substituto. Perto do intervalo, novo problema para o manager: Zdenek Grygera deixou o campo lesionado e Stephen Kelly entrou em seu lugar.

O primeiro tempo foi lamentável para os donos da casa, apesar de a primeira chance ter sido dos Cottagers - em escanteio de Murphy, Sidwell cabeceou para a primeira grande defesa de Friedel na noite. Aos 10, os Spurs abriram o placar. Walker cruzou da direita, Lennon bateu cruzado e a bola sobrou com Bale, que chegou finalizando de canhota.
Desolação de Zamora: segunda derrota em casa dos Whites
Mesmo perdendo, o Fulham dava muitos espaços para os visitantes, que trocavam passes tranquilamente até a intermediária. Ocasião de gol para os locais na etapa inicial só aos 23 minutos, num chute de Dempsey que Friedel mandou para fora. Depois disso, aos 45, o Tottenham ampliou: Lennon invadiu a área, entortou Baird na ginga e chutou de esquerda, 2 a 0.

A etapa derradeira foi um massacre. O Fulham mostrou como criar - e perder - praticamente todas as chances. Mesmo assim, conseguiu descontar aos 11 minutos. Duff cobrou escanteio e a defesa dos visitantes se atrapalhou, com King cabeceando em cima de Kaboul e a bola indo para o gol. Um minuto depois, Dembele arriscou e Friedel pegou.
Kaboul anotou, contra, a favor do Fulham
As oportunidades foram se acumulando: Friedel negou o gol duas vezes a Dembele e uma a Baird. Aos 29, Bryan Ruiz, que entrara no lugar de Duff, deu ótima bola para Dempsey, que passou pelo arqueiro, mas chutou em cima de King. Os donos da casa ainda tiveram um pênalti ignorado pelo árbitro, que não viu Walker encostar a mão na bola enquanto estava caído dentro da área, aos 47 minutos.

Pouco depois, Hangeland (Friedel espalmou) e Dempsey (Modric tirou em cima da linha) tiveram chances em jogadas aéreas. Tanto desperdício resultou em gol... do Tottenham. Aos 49, Adebayor foi à linha de fundo e cruzou para Defoe pegar de primeira, 3 a 1.

Fulham: Schwarzer, Grygera (Kelly), Baird, Hangeland, Riise, Sidwell, Murphy (Etuhu), Duff (Ruiz), Dempsey, Dembele e Zamora.
Tottenham: Friedel, Walker, King, Kaboul, Assou-Ekotto, Parker, Modric, Lennon (Sandro), Bale, Van der Vaart (Defoe) e Adebayor.

Fotos: Fulham FC

Os gols do jogo você confere aqui, direto do site TV Golo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário