A vaga veio, mas faltaram os gols

Jogo teve um único sentido: o gol de Gango

Com um empate em 0 a 0, o Fulham assegurou passagem para a segunda fase preliminar da Liga Europa, ontem, no jogo de volta contra o NSÍ Runavík. Apesar de dominar a partida, a falta de pontaria e a boa atuação do goleiro Andreas Gango impediram os gols na fria tarde no estádio da cidade de Toftir. O próximo adversário cottager vem da Irlanda do Norte: o Crusaders.


Apesar de dizer que usaria um time recheado de jovens, Martin Jol na última hora optou por uma equipe semelhante à que atuara no jogo de ida, na vitória por 3 a 0. Hughes, Baird, Murphy e Davies foram os poupados. Com isso, a braçadeira de capitão foi de Brede Hangeland.
Equipes perfiladas antes da bola rolar
Mesmo precisando do resultado, os donos da casa, conscientes de sua limitação técnica, pouco fizeram durante o confronto. Na verdade, os londrinos criaram as melhores oportunidades. No primeiro tempo, foram pelo menos cinco. Primeiro com Duff, que cortou pro meio e acertou o travessão aos cinco minutos. Depois Greening lançou Andy Johnson, que finalizou para defesa de Gango.

O camisa 8 teve ainda duas outras oportunidades de marcar, mas Gango defendeu seu chute e depois a bola passou rente à trave após bola escorada por Hangeland. Ainda na etapa inicial, o goleiro farôes espalmou uma cabeçada de Etuhu.
Johnson teve três chances para marcar

A segunda parte do jogo seguiu o mesmo tom, com o Fulham criando - e perdendo - chances. Na melhor delas, Duff passou perto de marcar quando se livrou da marcação dentro da área do NSÍ. Por sinal, o time da casa esteve próximo de fazer história com Olsen, mas o camisa 13 chutou mal e não conseguiu marcar na única jogada de perigo criada pela equipe das Ilhas Faroe.

Jol ainda colocou em campo os jovens Dalla Valle e Kerim Frei. Este último, meia-atacante, fez sua estreia na equipe profissional dos Whites. Eles pouco puderam fazer para impedir o placar sem gols. Ao final da partida, os pouco mais de mil torcedores aplaudiram a atuação do Runavík.

O Fulham volta a jogar pela Liga Europa no próximo dia 14, contra o Crusaders, na Irlanda do Norte. A partida de volta ocorre no dia 21, em Londres. Nos próximos dias, você vai conhecer aqui no blog um pouco mais deste time norte-irlandês.

NSÍ Runavík: Gango, Joensen, T. Hansen, Petersen, Olsen (Mikkelsen), Mortensen (Danielsen), R. Hansen, Toronjadze (Fredriksberg), Lajkuni, Jacobsen e Frederiksberg.
Fulham: Schwarzer, Kelly, Senderos, Hangeland, Briggs, Sidwell, Etuhu, Greening (Riise), Duff (Dalla Valle), Johnson (Frei) e Zamora.

Fotos: Fulham FC

Um comentário:

  1. Que venha o Crusaders!! Prevejo uma boa temporada esse ano.

    =D

    ResponderExcluir