Especial Europa League, Ep. 14: Vantagem em casa, contra o campeão alemão

Foto: fulhamfc.com

No dia 1º de Abril de 2010, o Fulham recebeu o Wolfsburg em Craven Cottage, que na época contava brasileiros Grafite, Josué e Rever em seu elenco.

.
 Após o fracasso do  na Champions League, quando o time alemão ficou em terceiro no grupo, o Wolfsburg vinha para a liga europa como um dos favoritos ao título. Para isso o Wolfsbrug tinha um dos ataques mais temidos da europa naquela época, principalmente devido à boa fase da dupla Grafite e Dzeko.

.
O Fulham tinha a volta de Danny Murphy, que cumpriu suspensão nos dois jogos contra a Juventus, após ter sido expulso no jogo de volta contra o Shakhtar Donetsk.
.
Jogando em casa, os cottagers foram pra cima logo no início do jogo, onde criaram algumas boas oportunidades criadas por Damien Duff e Simon Davies, dando trabalho ao goleiro suíço Diego Benaglio.
.
Mark Schwarzer também teve trabalho quando aos 30 minutos de jogo, Christian Gentner chutou pro gol, mas parou nas mãos do goleiro titular da seleção australiana.
.
E ao final do 1º tempo ficou tudo igual em Craven Cottage, 0 a 0 com o Fulham mostrando quem é que manda em Craven Cottage. Durante o Intervalo eu lembro de ter pensado que era a hora de o Fulham abrir ou placar e tentar abrir vantagem, para não complicar o jogo de volta na Alemanha.
.No começo da segunda etapa o Fulham tomou um susto, quando o bósnio Edin Dzeko ficou livre de marcação dentro da área e arrematou, obrigando Mark Schwarzer a fazer uma grande defesa.
.
O Fulham voltou bem para o 2º tempo e continuou buscando o resultado, até que aos 59 minutos numa jogada de contra-ataque, o internacional húngaro Zoltan Gera serve ao atacante Bobby Zamora, que limpou a marcação e bateu de canhota no canto do goleiro Benaglio.
.
A estrela de Bobby Zamora voltou a brilhar minutos depois, quando  o atacante inglês deu o passe para Damien Duff aumentar a vantagem dos cottagers no jogo, fazendo 2 a 0 no placar aos 63 min, o que seria uma vantagem enorme para o jogo de volta na Volkswagen Arena.
.
Quase no final do jogo, em uma bola cruzada na área aconteceu o inesperado e numa disputa de gigantes aos 89 min, Alexander Madlung subiu mais alto que Brede Hangeland e tocou para os fundo das redes, sem chance de defesa para Mark Schwarzer.
.
E no apito final o resultado foi a vitória de 2 a 1 para o Fulham, o que poderia ser considerado um resultado fácil para o na época atual campeão da Bundesliga reverter jogando em seu estádio. No próximo capítulo veremos que a história foi outra quando o Fulham viajou até a alemanha para defender sua vantagem.
.

Enquanto ele não chega, abaixo segue um vídeo com os melhores momentos de Fulham 2-1 Wolfsburg.



Fulham vs Wolfsburg 2.1 01-04-10 por seelteck

COME ON YOU WHITES!

Nenhum comentário:

Postar um comentário