Especial Europa League, Ep. 1 - O Começo de tudo


A partir de hoje, até a semana em que a final da última Liga Europa completa um ano, estaremos fazendo aqui no blog, um especial sobre a aventura européia dos cottagers na temporada passada, que irá reviver este que foi o grande momento da história do Fulham Football Club.
.
A história que começou em Vilnius (Lituânia) e terminou na decisão em Hamburgo e que emocionou os torcedores cottagers em todo o mundo será relembrada a partir de agora.
.
Isso nos leva primeiramente à campanha realizada pelos comandados de Roy Hodgson em 2008/2009. O sétimo lugar colocou o clube pela segunda vez na história em uma competição europeia, muito embora houvesse muitas dúvidas da real condição que o Fulham dispunha para revezar entre a liga inglesa, as copas nacionais e a segunda mais importante competição de clubes da Europa.

.
A aventura começou em Vilnius, na Lituânia, no jogo contra o FK Vetra e terminou na decisão em Hamburgo, contra o Atlético de Madrid. Uma campanha que emocionou os torcedores cottagers em todo o mundo e será relembrada a partir de agora aqui no Fulham FC Brasil.


O primeiro desafio foi no dia 30 de julho de 2009, na Lituânia: o rival era o desconhecido time do FK Vetra, que havia eliminado os finlandeses do HJK Helsinki na primeira fase elmiminatória. O Fulham foi com o que tinha de melhor para jogar no pequeno Vetra Stadium, com capacidade para apenas 5.900 torcedores.
.
O Fulham teve mais dificuldade do que o esperado no primeiro tempo, mas conseguiu abrir o placar com Bobby Zamora perto do fim da primeira etapa. O atacante vivia sua segunda temporada no clube e tentava enfim deslanchar como centroavante ao lado de Andy Johnson, depois de uma temporada com poucos gols e muita contestação da torcida.
.
O Vetra se mostrou um time com muito mais disposição do que propriamente qualidade para atrapalhar os planos cottagers. No segundo tempo, os gols de Seol - que seria dispensado semanas depois - e Danny Murphy (vídeo abaixo) selaram o triunfo por 3 a 0 e deixaram o Fulham com uma mão na vaga para a próxima fase preliminar.


Nenhum comentário:

Postar um comentário