Repercussões: Fulham 1-2 Tottenham



Conforme vimos no post anterior, o Fulham perdeu sua invencibilidade na Premier League, após uma partida emocionante em Craven Cottage, que foi resolvida por um lance duvidoso de Tom Huddlestone na segunda metade do jogo.

O meio-campista dos Spurs venceu Mark Schwarzer num chute de longa distância, mas o gol teria sido anulado pelo assistente, que havia levantado sua bandeira, mas após conversar com o bandeira, o arbitro validou o gol que culminou na primeira derrota do Fulham na atual temporada da Premier League.

"Estamos decepcionados com a entrega da meta, obviamente", disse o técnico do Fulham Mark Hughes após a partida. "O tiro inicial foi por meio de um monte de jogadores e Gallas está claramente impedido quando a bola foi chutada. O bandeirinha marcou o impedimento corretamente, mas por alguma razão, ele [o árbitro] tinha que ir e discutir a atribuição do impedimento.

"Eu pensava em termos de chances criadas e o jogo em geral, nós criamos mais do que os Spurs fizeram. Joe Kamara marcou um gol e poderia ter tido um hat-trick "para ser justo. Portanto, tudo somado, é um dia frustrante, com um monte de coisas boas, mas uma série de coisas que precisamos olhar também. "

Nenhum comentário:

Postar um comentário